Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sábado 07 de dezembro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 06/12/2019
CENTRO ONCOLÓGICO
TCE-SP

Oito cidades do Alto Tietê são alvo de vistoria na merenda de alunos da rede pública

Objetivo é o de checar as condições de fornecimento da merenda oferecida aos alunos da rede pública

Por da Região31 OUT 2019 - 11h43
No Estado, o Tribunal de Contas verifica um total de 216 municípios, incluindo os da regiãoFoto: TCE/Divulgação

O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) realiza, nesta quinta-feira (31), fiscalização em oito municípios do Alto Tietê, para checar as condições de fornecimento da merenda oferecida aos alunos da rede pública. As cidades alvo da vistoria são: Arujá, Biritiba Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Itaquaquecetuba, Poá, Santa Isabel e Suzano. No Estado, o órgão verifica um total de 216 municípios, incluindo os da região.

O propósito desta ação é vistoriar as condições da merenda; a qualidade dos alimentos; as condições de entrega e armazenamento e inspecionar a regularidade no abastecimento em unidades escolares. Os trabalhos ‘in loco’ podem ser acompanhados em tempo real por meio de uma central de monitoramento pelo link http://streaming.tce.sp.gov.br/dashboard/.

A ação, com início às 7h30, verifica, de forma concomitante e em tempo real, como estão sendo armazenados, preparados e oferecidos os alimentos aos estudantes dos Ensinos Básico e Fundamental em 266 escolas sob a responsabilidade dos municípios.

Os dados, colhidos por cerca de 300 Agentes da Fiscalização do TCESP, serão confrontados com as informações levantadas na última fiscalização realizada em 28 de maio, e que ocorreram em uma amostra de 219 cidades jurisdicionadas à Corte de Contas paulista.

Fiscalizações Ordenadas

Realizadas desde 2016, as ‘fiscalizações ordenadas’ são realizadas de forma surpresa – nas quais os agentes de fiscalização saem a campo para avaliar não só a legalidade, mas também a qualidade do gasto dos recursos em políticas e serviços públicos.

As ações consistem no deslocamento de agentes para inspecionar ‘in loco’ diversas áreas da Administração, como transporte, merenda e material escolar; almoxarifado; tesouraria; creches; hospitais; unidades básicas de saúde; obras públicas; resíduos sólidos; segurança, entre outras.

 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias