Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Quinta 23 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 23/11/2017
mrv

Prefeitos e deputados da região lamentam morte de Thomaz Alckmin

04 ABR 2015 - 08h00

Os políticos da região lamentaram a morte do filho mais novo do governador Geraldo Alckmin (PSDB), Thomaz Rodrigues Alckmin, de 31 anos, após queda de um helicóptero em Carapicuíba, na última quinta-feira. Cinco pessoas morreram no acidente. Prefeitos e deputados estaduais compareceram ao velório realizado ontem no Hospital Israelita Albert Einstein, no Morumbi, em São Paulo. O enterro aconteceu na cidade de Pindamonhangaba, interior de São Paulo, às 17 horas.

"Com imenso e profundo pesar, recebo a notícia de falecimento do jovem Thomaz Alckmin, filho mais novo do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin e da primeira-dama Dona Lu (Alckmin). Deixa para todos nós paulistas e pais de família, uma grande tristeza. Que Deus abençoe e que conforte a família Alckmin nesse momento de muita tristeza. Também presto sinceras condolências aos familiares e amigos das outras vítimas envolvidas no acidente", disse o prefeito de Suzano, Paulo Tokuzumi (PSDB).

O prefeito de Ferraz, Acir Filló (PSDB), declarou estar abalado com o ocorrido. "Thomaz tinha 31 anos e duas filhas. Uma de 10 anos e outra de apenas um mês. Conheci o Thomaz. Assim como eu, ele adorava Raul Seixas, motocicletas e helicóptero. Sempre foi muito ligado à família. Não posso mensurar a dor dos pais numa hora tão difícil como esta. Mas, fica aqui nosso sincero abraço de solidariedade e de amizade, meu e da Viviane. Estamos pedindo a Deus para que conforte os corações de todos os que, neste momento, sentem a perda deste rapaz, que deixará saudade", disse Filló, que compareceu ao velório acompanhado da primeira-dama Viviane Vieira dos Santos.

O prefeito de Itaquá, Mamoru Nakashima (PTN), também compareceu ao velório de Thomas, acompanhado da primeira-dama Joerly Nakashima. "Esta é com certeza uma dor muito forte para os pais. Como disse ao próprio Geraldo Alckmin, fica aqui os meus sentimentos a esta família admirável".

Os prefeitos de Poá, Marcos Borges (PPS), e de Mogi, Marco Bertaiolli (PSD), também expressaram seus sentimentos. "Prestamos condolências à família de Thomaz que estava entre as vítimas da queda do helicóptero EC-155 ocorrida na tarde de quinta-feira, bem como queremos externar as manifestações de pesar e carinho e que os familiares das outras vítimas também encontrem conforto na fé", disse Borges. Já Bertaiolli informou que recebeu a notícia com muita tristeza e lamentou profundamente a morte prematura de Thomaz.



DEPUTADOS

Os deputados estaduais Estevam Galvão (DEM), Luiz Carlos Gondim (SDD), André do Prado (PR) e Marcos Damásio (PR), também lamentaram a morte do filho caçula de Alckmin. Em nota à imprensa e também pelas redes sociais, os deputados estaduais expressaram pesar pela morte prematura de Thomaz. Eles também compareceram ao velório do filho caçula do governador.

"Profundamente chocado com a tragédia que se abateu na tarde desta quinta-feira sob a família do governador e amigo Geraldo Alckmin e sua esposa Lu Alckmin. Peço em oração que Deus conforte o coração dos familiares do jovem Thomaz Alckmin e das demais vítimas da queda do helicóptero. Estamos de luto", diz o texto divulgado pelo deputado Estevam Galvão em sua página no Facebook.

O deputado Gondim também expressou suas condolências. "Lamento profundamente a morte do jovem Thomaz, filho do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin e de todos os demais ocupantes da aeronave. Nessa hora temos que rezar para que a famílias possam suportar a dor da perda. É uma dor muito grande. Nós que temos filhos da mesma idade, ficamos traumatizados", disse Gondim.

"Nesse momento de grande tristeza, minha profunda solidariedade aos pais, familiares e amigos. Rogo a Deus para que fortaleça e console à família Alckmin, como também dos demais familiares das vítimas dessa tragédia. Os meus mais sinceros sentimentos", escreveu André do Prado.

Em nota divulgada pela assessoria de imprensa, o deputado Marcos Damásio expressou sua solidariedade à família. "Nos solidarizamos com a família Alckmin com os familiares e amigos dos outros membros da tripulação. Que Deus possa confortar os corações de todos que estão sofrendo com estas precoces perdas".



DIOCESE

O bispo diocesano de Mogi das Cruzes, Dom Pedro Luiz Stringhini, também se enviou nota manifestando seus sentimentos à família. "Apresento ao senhor governador, doutor Geraldo Alckmin, Dona Lu Alckmin e família, em meu nome e em nome da Diocese de Mogi das Cruzes, profundos sentimentos de consternação e solidariedade nesse momento de grande tristeza e dor pela perda inesperada e trágica do seu filho Thomaz Alckmin. Unimo-nos todos na mesma fé e preces que sustentam nosso querido governador e sua família, contando com a intercessão e consolo da Santa Virgem Maria que, na Sexta-feira Santa, esteve ao lado do seu filho que morria na cruz. Rogamos a Deus pai de bondade o descanso eterno ao Thomaz".

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias