quarta 28 de fevereiro de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 28/02/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Vigilância fiscaliza comercialização de maionese reprovada pela Anvisa

Produtos, cujo lote se inicie por 354 e tenha o prazo de validade entre dezembro de 2023 e março de 2024, foram reprovados pela Anvisa

10 abril 2023 - 21h00Por de Suzano
A Vigilância Sanitária de Suzano está alertando os consumidores a não utilizarem lotes específicos de maionese das marcas Fugini e Ramy, cujo padrão de qualidade foi reprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Após inspeção à unidade fabril da empresa responsável, a Fugini Alimentos, localizada na cidade de Monte Alto, interior de São Paulo, foi identificada a presença de um aditivo vencido nos itens produzidos entre 20/12/2022 e 21/03/2023, pertencentes ao lote iniciado pelos números 354 e que vencem em dezembro de 2023, assim como os lotes com prazo de validade entre janeiro e março de 2024.
 
Para reforçar o alerta, agentes da Vigilância Sanitária de Suzano iniciaram na manhã desta segunda-feira (10/04) vistorias a estabelecimentos comerciais com o objetivo de averiguar a presença desses produtos nas prateleiras. Nos primeiros pontos visitados, alguns comerciantes já haviam retirado esses lotes comprometidos. A iniciativa terá continuidade nos dias seguintes para assegurar que esses produtos não sejam mais comercializados.
 
O diretor da Vigilância Sanitária, Mauro Vaz, destacou ser fundamental que comerciantes e consumidores fiquem atentos a fim de evitar possíveis problemas de saúde. “São centenas de estabelecimentos que vendem esse tipo de produto em nosso município, desde os grandes mercados até as vendas de bairros. Nós não conseguimos vistoriar as prateleiras de todos esses pontos, por isso precisamos da colaboração de todos”, alertou o diretor.
 
A Resolução-RE nº 1.051 da Anvisa, de 29 de março de 2023, referente à esse fato, foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) de 30 de março de 2023, e compartilhada com o Centro de Vigilância Sanitária (CVS) do Estado de São Paulo e com o Grupo de Vigilância Sanitária (GVS) 08, do qual Suzano faz parte. A difusão das informações também foi realizada pela Rede de Alerta e Comunicação de Riscos de Alimentos (Reali) para os demais municípios do Alto Tietê.
 
É importante destacar que os comerciantes e consumidores podem entrar em contato com Vigilância Sanitária de Suzano por meio do telefone (11) 4745-2063, ou pelo e-mail visa.sms@suzano.sp.gov.br, para repassar informações sobre a presença dos lotes que foram reprovados pela Anvisa, das marcas de maionese Fugini e Ramy.