Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Terça 21 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 21/11/2017
mrv

Renovação de Paolo Guerrero tem ‘atenção especial’ do Corinthians

10 ABR 2015 - 08h00

A diretoria do Corinthians está preocupada com a renovação do contrato dos atacantes Emerson e Paolo Guerrero, que terminam antes do final da Copa Libertadores. A preocupação com um caso e outro, no entanto, é bem diferente. Emerson deve aguardar um pouco mais e sua renovação não é tratada como prioridade, mas os dirigentes afirmam que Guerrero merece "atenção especial".

"Estamos fazendo algumas reuniões técnicas para decidir as nossas necessidades nas competições que disputamos e também nas futuras. Nós fizemos uma reunião na segunda, com comissão, o Tite e o presidente para falar do que precisamos e começar a fazer todas essas avaliações. Começamos a abordar alguns casos, inclusive o do Sheik, mas não tomamos a decisão, até porque o Roberto (de Andrade, presidente do Corinthians) tem outras pendências", avisou ontem Edu Gaspar, gerente de Futebol.

Contratado em julho de 2012, Guerrero foi o recordista de gols em 2013 e 2014 - também é o goleador em 2015. A renovação do vínculo do jogador é lenta por causa de exigências financeiras feitas pelo estafe do camisa 9. Já Emerson, contratado em maio de 2011, conquistou mais títulos que o companheiro de ataque, mas sofre de desconfiança por parte da cúpula e chegou até a ser emprestado ao Botafogo no ano passado.

"A novela do Guerrero está na mão do presidente Roberto de Andrade. Ele está tomando conta pessoalmente, dando uma atenção especial, tanto que eu já vi batendo papo informal com o Paolo, que conhece bastante o Roberto. Então vamos fazer o melhor. Não digo que o Paolo está perto de renovar, mas o que me faz ser otimista é como o time está, o envolvimento, sua relação com a torcida e com a cidade. Eu, pensando com a cabeça do Paolo, pensaria em ficar no clube onde estou feliz", afirmou Edu Gaspar.



ALEGRIA

Os jogadores reservas do Corinthians saíram do empate por 2 a 2 com o XV de Piracicaba, na última quarta-feira, em Piracicaba, com a sensação de dever cumprido. Mesmo sem entrosamento e ritmo de jogo, a equipe conseguiu ampliar a invencibilidade do time para 23 jogos. "Conversamos antes do jogo e sabíamos da responsabilidade de manter o nível do grupo principal. Fizemos isso muito bem. Estamos muito felizes, o grupo se mostra muito forte e tenho certeza de que vamos muito bem preparados", disse o volante Petros.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias