Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sábado 14 de dezembro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 13/12/2019
PMMC DENGUE

Ateliê de Imagens encerra gravações de dois novos curtas-metragens

Filmes fazem parte da tetralogia "O Cão é Suave" e devem estrear em festivais e em Suzano nos próximos meses

Por de Suzano16 JUL 2019 - 20h38
Passada a fase das filmagens, os dois curtas devem passar os próximos meses na pós-produção e seus lançamentos devem ocorrer ainda em 2019Foto: Divulgação
A saga de curtas-metragens do Ateliê de Imagens que tratam sobre o impacto de pequenas e grandes mentiras no cotidiano de pessoas simples está chegando ao final. Nos últimos dias a produtora finalizou as filmagens dos novos dois curtas que compõe a tetralogia "O Cão é Suave". Batizados como "A Confissão" e "A Vingança" os dois novos filmes foram rodados em Suzano nos últimos dias. 
 
Passada a fase das filmagens, os dois curtas devem passar os próximos meses na pós-produção e seus lançamentos devem ocorrer ainda em 2019. Eles são continuações diretas do curta-metragem lançado em 2018. À época, após o lançamento do filme, os produtores e o diretor resolveram expandir o universo da história de como mentiras podem gerar situações incontornáveis para três novos filmes; em 2019, o primeiro foi lançado em Suzano: "A Traição". 
 
O diretor dos curtas, Douglas Cordeiro, celebrou o fim desta etapa. Para ele, a produção evoluiu ao longo dos das filmagens dos quatro curtas metragens e este crescimento atingiu todo o elenco chegando ao ápice nos dois últimos.
 
"No decorrer dessa produção a gente foi se achando como idealizadores, vendo o que estava dando certo e o que precisava aprimorar. Chegamos no final desse projeto com uma bagagem e uma consciência do que é cinema muito maior do que começamos", reflete.
 
Tecnicamente a produção também cresceu, enquanto os dois primeiros filmes o Ateliê de Imagens usaram câmeras DSLRs (câmeras fotográficas digitais) os dois últimos foram rodados com equipamentos de ponta voltados já para o cinema; como câmera Canon C300. A produção consumiu 4 dias de gravação para estes dois últimos curtas, com uma equipe de mais de 12 pessoas e mais de 40 horas de set de filmagem.
 
"Solidifica a produtora e um trabalho na cidade com atores da região. Foi um troca muito produtiva, pois envolveu novos cineastas, gente que está começando no cinema e nós que estamos há mais tempo nessa área. Essa troca entre esses grupos foi muito interessante", destaca Carlos Magno, do Ateliê de Imagens.
 
O ator e vice-prefeito de Suzano, Walmir Pinto, que dirigiu o elenco dos 4 filmes, participou a elaboração de três roteiros e atuou em dois destes filmes ( "O Cão é Suave" e "A Confissão" ) classifica como positiva a experiência nos filmes. 
 
Apesar dos percalços que toda produção independente enfrenta, ele vê nos quatro filmes uma janela de oportunidades para todo o setor cultural do Alto Tietê. 
 
"Produzir cinema, como produzir qualquer outro tipo de arte é sempre muito difícil, por isso, quando me encontro em projetos independentes, encontro também uma forma de resistir, lutar e me apaixonar ainda mais pelo ofício de ser artista", afirma. "A região é imensa e me deparei com jovens dispostos à produção audiovisual. Isso é muito valioso, por isso, estou feliz por fazer parte desse projeto", finaliza.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias