domingo 14 de abril de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 14/04/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cultura

‘Atômica’ e ‘Emoji: O Filme’ estreiam hoje no cinema de Suzano

Primeira produção é uma ação protagonizada por Charlize Theron. O segundo é uma animação com as “carinhas” do celular

31 agosto 2017 - 07h35Por De Suzano
"Atômica" e "Emoji: O Filme" estréiam nesta quinta-feira (31) no Centerplex de Suzano. O primeiro, um filme de ação e espionagem, protagonizado por Charlize Theron, conta a história de uma agente disfarçada que é enviada para Berlim durante a Guerra Fria para investigar o assassinato de um oficial e recuperar uma lista perdida de agentes duplos. Já o segundo é uma animação que vai levar ao público as aventuras dos moradores de uma cidade chamada Textopolis, que está situada dentro do smartphone do adolescente Alex.
 
"Atômica" é baseado na história em quadrinhos "The Coldest City". No filme, a agente secreta Lorraine (Charlize Theron) é o supra-sumo da espionagem. A Guerra Fria é o cenário histórico escolhido para a história. A protagonista se vê envolvida em numa confusão entre membros de agência de segurança dos Estados Unidos, Inglaterra e Alemanha. A história é contada em forma de flashback.
 
As sequência das cenas da produção são intensas e longas. No filme, há inclusive, uma luta na escada se estende por quase 15 minutos, mistura luta, tiros, saltos, perseguição de carros, facas e piadas. Olhos roxos, hematomas por todo o corpo, e sangue, muito sangue. E ao lado de Charlize está o ator James McAvoy, que interpreta David Percival, que acaba se envolvendo no jogo letal dos espiões. A direção do longa é de David Leitch (codiretor de John Wick).
 
A produção que mistura suspense e ação ainda traz no elenco John Goodman, Til Schweiger, Eddie Marsan, Sofia Boutella e Toby Jones. 
 
Emoji
 
Sabe aqueles "desenhinhos", as carinhas amarelas utilizadas nas mensagens enviadas pelo celular ou nas redes sociais? Pois é delas que se trata o filme "Emoji". A animação foca nos aplicativos (apps) existente em um smartphone. Dentre os muitos apps, destaca-se os de mensagem de texto. É ali que moram os emojis. Cada um tem sua função e sua razão de existir. O feliz, o de cara de preocupado, o joinha, o coração e até o emoji de cocô. O "dia a dia" deles gera situações divertidas e questionamentos. Como a carinha feliz não perder o sorriso mesmo quando brava? E o emoji do "bleh" (carinha não impressionada), que mantém a mesma expressão mesmo diante de uma declaração apaixonada.
 
Diante disso, Gene é apresentado. Um emoji que nasceu com um bug em seu sistema, que o permite trocar de rosto por meio de um filtro especial. Ele quer se tornar um emoji normal como todos os outro da cidade de Textopolis - a cidade onde os Emojis favoritos dos usuários de smartphones vivem e trabalham. Para isso, Gene vai encarar uma jornada fantástica por meio dos aplicativos de um dos celulares mais populares desta geração. E no meio dessa trajetória vai fazer muitos novos amigos.