Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Quinta 23 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 23/11/2017
mrv

Sala Rosa será inaugurada quarta e vai atender mulheres vítimas de agressão

08 AGO 2015 - 08h01
A Sala Rosa vai ser inaugurada na próxima quarta-feira, às 11 horas, na Delegacia de Poá. O local é especializado no atendimento de mulheres vítimas de violência e a narração dos fatos ocorridos.

O trabalho a ser desenvolvido na Sala Rosa envolve ações de prevenção, proteção e investigação dos crimes de violência doméstica e sexual contra as mulheres, entre outros, no qual serão prestados auxílios em relação ao registro de Boletim de Ocorrência (B.O.) e a solicitação ao juiz sobre as medidas protetivas de urgência nesses casos, e também apoio a realização da investigação dos crimes.

Segundo o prefeito de Poá, Marcos Borges (PPS), o projeto é de extrema importância, pois o auxílio a essas mulheres em momentos tão delicados como este é essencial.

"Um espaço acolhedor foi preparado para receber e proporcionar o atendimento", disse o chefe do Executivo poaense.

De acordo com a secretária da Mulher, Aretha Marques, a Prefeitura colocará à disposição uma especialista em direito para acompanhamento desses casos em apoio aos tramites.

"Ações que visam à proteção as mulheres tem sido amplamente trabalhada e a Sala Rosa é mais um ganho para cidade, no combate a violência sofrida por mulheres", afirmou a secretária, que comentou também que este projeto foi criado no governo do ex-prefeito da cidade Roberto Marques e agora é retomado pela atual Administração.

Mesmo antes da inauguração do espaço, a Prefeitura de Poá, por meio da Secretaria da Mulher, oferece serviços de apoio às mulheres vítimas de violência.

A pasta, inclusive, conta com uma psicóloga para atender nessas situações.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias