Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Sexta 24 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 24/11/2017
mrv

Chile vence a Argentina nos pênaltis e conquista sua primeira Copa América

05 JUL 2015 - 08h00

Chile e Argentina entraram em campo ontem, no Estádio Nacional, em Santiago, no jogo mais importante da história do futebol chileno, para decidirem qual equipe levaria a Copa América. O duelo também era histórico para os argentinos, já que o último título de uma seleção profissional foi em 1993, quando a Argentina levou a Copa América, no Equador. Mas, na decisão por pênaltis, após 120 minutos bem jogados, a equipe chilena mostrou mais frieza e conquistou seu primeiro título importante na história.

Com a forte marcação chilena, uma aula de Sampaoli para os técnicos do planeta e sobre Martino, os argentinos não conseguiam estabelecer seu ritmo de toques rápidos, mantendo o empate sem gols no tempo normal.

Na prorrogação, o Chile voltou a mostrar a disposição que segurou a Argentina durante toda a final. Bem postado em campo, a equipe de Sampaoli parou o expresso argentino de Messi.

Com o zero persistindo no placar, a final histórica foi para a decisão nos pênaltis.

Nas cobranças, apenas Messi marcou pela Argentina. Higuaín isolou e Banega bateu no canto de Bravo na terceira. Matias Fernández, Vidal, Aránguiz e Sánchez conferiram para os chilenos. O atacante do Arsenal teve a ousadia de cobrar no estilo da famosa "cavadinha", para garantir a vitória chilena.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias