Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quarta 20 de novembro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 19/11/2019
PMMC NOVEMBRO AZUL
Pmmc Refis 2019
Pmmc maternidade
PMMC MIGO
PMMC SEGURANÇA
Suzano

Árvore causa dor de cabeça a moradores do Santa Helena

Árvore danifica a calçada e dificulta a passagem dos pedestres pelo local

Por Isabelle Santini - de Suzano15 OUT 2019 - 16h02
Árvore causa dor de cabeça a moradores do Santa HelenaFoto: Sabrina Silva/DS
Moradores da rua Expedicionário João de Carvalho, Jardim Santa Helena, em Suzano, reclamam de uma árvore situada próxima a altura do número 196. A árvore está causando problemas a quem passa pela calçada da via e a alternativa usada pelos moradores é circular pela rua, já que a árvore danifica a calçada e dificulta a passagem dos pedestres pelo local.
 
O munícipe Paulo Hobo aponta a sujeira como outro problema. Segundo ele, as folhas que caem das árvores sujam o quintal de sua casa e entopem as calhas. "Quando chove é perigoso. As folhas caem, sujam todo o quintal e até as calhas entopem. A raiz estoura tudo, as pessoas não conseguem passar pela calçada mais, podem se acidentar, até para entrar na minha garagem é difícil, pois a árvore está danificando muito a calçada".
 
A professora Patrícia Spinelli diz que há moradores da rua que possuem mobilidade reduzida ou apresentam algum tipo de deficiência física e, por conta da má condição da calçada, enfrentam dificuldades para se locomoverem. "Eu levo a minha mãe para fazer fisioterapia e não passo pela calçada, vou pela rua, porque não dá para passar".
 
A professora Dorisnilce Aparecida da Silva compartilha das mesmas opiniões de Patrícia e reitera que considera importante o plantio de árvores, mas que os locais em que as árvores são plantadas precisam de cuidados para não causar problemas à população. "As folhas caem e fazem uma sujeira enorme".
 
Prefeitura
 
Em nota, a administração municipal informou que o caso foi encaminhado à Secretaria Municipal de Meio Ambiente e o serviço deve ser realizado em breve. "Segundo a Ouvidoria Municipal, o caso já foi encaminhado à Secretaria de Meio Ambiente - uma equipe técnica da pasta foi até o local e, após vistoria, foi constatada a necessidade de executar a supressão naquele ponto. O laudo técnico já foi emitido encaminhado à Secretaria de Manutenção e Serviços Urbanos para a supressão. O serviço foi incluído no cronograma e deve ser executado em breve".

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias