Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Quarta 22 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/11/2017
mrv

Contran volta a obrigar simulador até dezembro em autoescolas

28 JUL 2015 - 08h01

As autoescolas de Suzano vão ter de se adaptar com a implantação do simulador. Isso porque o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) determinou que o equipamento seja adquirido tem até 31 de dezembro.

De acordo com Geraldo Esperandio Filho, que trabalha na autoescola da Rua General Francisco Glicério, não tem o simulador na sua unidade e que no máximo até o final de setembro o equipamento chegará. O preço das aulas deve ser, em média, de R$ 60 a R$ 90. Ele comentou que os donos das autoescolas pensam em criar um sindicato para que o simulador tenha um lugar fixo e para que todos possam usar juntos. Com isso ficaria mais barato para os proprietários e alunos. "Com certeza terá aumento do valor. O simulador é equivalente ao valor de um automóvel".

Segundo a diretora da autoescola da Rua Jamil Dáglia, Tamara Said, a autoescola tem o simulador desde o início do ano e por enquanto é opcional. Terminando o curso teórico, o aluno pode fazer aulas com o equipamento. "O simulador adianta o processo de habilitação. Ajuda nas aulas práticas, que são feitas na rua". A instrutora da autoescola Adriana Esteves contou que a categoria B, que são para carros, terá no mínimo 25 aulas sendo 20 horas aula em veículo motorizado e quatro no período noturno. Obrigatoriamente cinco horas aula no simulador. "Com o simulador os alunos tem grande noção no volante, câmbio e noção de espaço, só os pedais que precisam de algumas melhoras". (C.B.)

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias