Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Quarta 22 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/11/2017
mrv

Déficit de policiais militares do 32º Batalhão Metropolitano chega a 14%

21 ABR 2015 - 08h01

O 32º Batalhão da Polícia Militar Metropolitano (BPM/M) tem um déficit de policiais entre 12% e 14%. Segundo o tenente-coronel José Luiz de Souza, a situação em Suzano é semelhante a das outras unidades da Polícia do Estado. A informação foi confirmada pelo tenente-coronel José Luiz de Souza durante evento realizado na unidade policial.

Segundo ele, atualmente, 60 policiais, que estão em fase de formação, reforçam o policiamento nos horários de folga e aos finais de semana. "Isso demonstra uma preocupação na reposição de efetivo. Temos uma saída muito grande para um período de formação longo", completa. Ele chegou a pedir um maior envolvimento da população nos registros dos Boletim de Ocorrência (B.O.), para que as operações sejam delegadas. "Muitos delitos ocorrem e a população não comunica as autoridades. Precisamos dessa referência", concluiu.

A falta de efetivo é uma situação constante na região. O Comando de Polícia Metropolitano (CPAM-12) solicitou por diversas vezes aumento no efetivo para os três batalhões da região (17º, 32º e 35º). Recentemente, o Conselho de Segurança (Conseg) do Boa Vista solicitou também aumento de efetivo para o distrito, alegando diminuição nas rondas do local. Em resposta, o 32º Batalhão anunciou a implantação de uma base móvel da Polícia Militar (PM) para o Jardim São José e adjacências.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias