Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Quarta 13 de Dezembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 13/12/2017
mrv

Fundação Casa reduz reincidência de menores infratores no Alto Tietê

26 ABR 2015 - 08h01

Mais de 180 menores cumprem medidas socioeducativas nos Centro de Atendimento Socioeducativo ao Adolescente, a Fundação Casa, na região. As unidades que recebem esses menores estão localizadas em Ferraz de Vasconcelos e Itaquaquecetuba. Os principais resultados alcançados pela fundação são a redução na reincidência, que caiu de 29%, em 2006, para os atuais 14%.

De acordo com a Fundação Casa, na unidade Ferraz I, 39 adolescentes são assistidos no local que tem capacidade para 56 jovens. Na Casa Ferraz II, são 51 e a capacidade é de 56 internos. Nas unidades de Itaquaquecetuba, 95 adolescentes cumprem as medidas- quase o limite para superlotação das unidades que é de 98.

Em todo o Estado, 9.909 jovens são atendidos pelos centros socioeducativos, em diferentes tipos. Entre eles: internação, internação provisória, internação sanção e semiliberdade. Estas quatro medidas são executadas pela Fundação Casa.

A faixa etária, gênero, etnia e perfil dos atos infracionais desses menores estão divididas em 54 pessoas em atendimento inicial; 1.720 internações provisórias; 7.422 internos; 181 internos sob sanção e 532 cumprem liberdade assistida. A maioria destes adolescentes são do sexo masculino, 9.462, o que representa 95,5%. Do sexo feminino há apenas 447 menores.

A maior parte desses jovens tem idade entre 15 e 17 anos. São 7.249 jovens. Maiores de 18 anos são 1.961 e com idade 12 entre 14 anos, 699.    Além disso, 49,8% são do interior do Estado; 26,4% da Capital; 16,4% do interior e 5,4% do litoral. Os pardos são a maioria, 53,8%. Brancos são 31,9%; negros 13,7%; amarelos e indígenas são 0,3% cada. Os atos infracionais mais recorrentes são de roubo qualificado, com 4.295, ou 43,34% e tráfico de drogas com 3.855, que representa 38,9% das estatísticas.



FUNDAÇÃO

A Fundação Casa mantém 148 centros socioeducativos em funcionamento no Estado de São Paulo. Desde 2006 para cá, a Fundação construiu 72 pequenos centros de atendimentos socioeducativos em todo o Estado de São Paulo. Destes, 61 tem capacidade para 56 adolescentes (64 na capacidade estendida). Os jovens participam de uma série de atividades no âmbito escolar, em parceria da Secretaria de Educação do Estado, educação profissional básica, esporte e participam de oficinas de arte e cultura.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias