Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Sexta 24 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 24/11/2017
mrv

Sindicato propõe férias coletivas e liquidações para combater crise

10 JUL 2015 - 08h00

Férias coletivas para o setor industrial e liquidação no comércio. Estes são dois caminhos apontados pelo Sindicato do Comércio Varejista de Mogi das Cruzes e Região do Alto Tietê (Sincomércio) para driblar a crise econômica pela qual o País passa. Segundo o órgão sindical, Suzano já começou a enfrentar fragmentos da situação financeira e isso pode ser verificado pela quantidade de empreendimentos encerrados.

Segundo o presidente Airton Nogueira, em 2014, foram abertas 1.903 empresas na cidade. Destas, 440 foram fechadas no primeiro semestre do ano passado. Nogueira frisa que os dados de 2015 não foram compilados, mas apenas em junho, 257 novas empresas chegaram ao município. "É difícil dizer quantas encerraram oficialmente por que nem todas deram baixa na firma. Contudo, percebemos uma grande quantidade de estabelecimentos para alugar na área central", pontua.

Entre as sugestões do Sincomércio para os empreendedores está manter os empregos por meio de banco de horas e férias coletivas, além de liquidações. "No caso das lojas, elas podem entrar com promoções. Neste momento, é importante manter o emprego para que a economia continue em movimentação", afirma.

Segundo dados do Banco do Povo Paulista (BPP), de janeiro a dezembro de 2014 foram efetivadas 63 solicitações de crédito para pessoa jurídica. Apenas no primeiro semestre foram efetivadas 46, sendo 16 solicitações para pessoa física e 30 para jurídica. Neste ano, o sistema já efetivou 41 requerimentos, sendo 10 de pessoa física e 31 de jurídica. Para ter acesso ao crédito, o empresário deve desenvolver atividade produtiva (formal ou informal) nos municípios contemplados pelo BPP; ter faturamento bruto de até R$ 360 mil nos últimos 12 meses; ser maior de 18 anos.

Além disso, não pode ter restrições cadastrais e apresentar documentos como contrato Social e Cartão de Inscrição Estadual.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias