segunda 24 de junho de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 23/06/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Cidades

Suzano define 11 objetivos para o desenvolvimento urbano na '6ª Conferência das Cidades'

Evento realizado no Colégio Unisuz reuniu mais de cem pessoas, que debateram políticas que possam tornar o município ainda mais inclusivo, democrático e sustentável

10 junho 2024 - 20h35Por de Suzano

A Prefeitura de Suzano realizou neste sábado (08/06) a “6ª Conferência das Cidades”, reunindo 103 pessoas no Colégio Unisuz, na região central do município. O evento teve objetivo de debater políticas que possam tornar a cidade ainda mais inclusiva, democrática e sustentável, definindo 11 objetivos para o desenvolvimento urbano.

O prefeito Rodrigo Ashiuchi marcou presença na atividade, que também contou com a participação do subsecretário de Estado de Desenvolvimento Urbano e Habitação, José Police Neto; dos secretários municipais de Planejamento Urbano e Habitação, Elvis Vieira, e de Assistência e Desenvolvimento Social Geraldo Garippo; do vereador Pedro Ishi; e do diretor de Habitação da administração municipal, Miguel Reis. As autoridades foram recebidas pelo mantenedor da unidade educacional que sediou o encontro, Nazih Franciss.

A programação ainda contou com palestras da coordenadora da União Nacional por Moradia Popular, Maria das Graças de Jesus Xavier; e da coordenadora executiva do Plano de Ação Climática do município de São Paulo, Laura Ceneviva. Esse ciclo de debates relacionados à Política Urbana se atentou ao desenvolvimento das funções sociais da cidade e da propriedade urbana, asseguradas pela Constituição Federal e regulamentada pelo Estatuto da Cidade e Plano Diretor local, de modo a garantir os direitos à população.

Dentre as metas traçadas pela conferência de Suzano, incluem-se o enfrentamento sistemático das necessidades habitacionais da população mais vulnerável, com provisão de novas moradias; a execução de projetos integrados de urbanização de favelas, em especial nas periferias urbanas; a melhoria urbana nas áreas públicas degradadas; a adoção de medidas preventivas para a Gestão Integrada de Riscos e Desastres; e a gestão proativa dos Sistemas de Áreas Verdes e Áreas Protegidas.

Outros temas de interesse estão relacionados à oferta e gestão eficiente dos serviços de saneamento ambiental; à articulação e operação integrada dos sistemas viários; à segurança pública promovida de forma humanizada; à otimização do uso da terra urbana; à aplicação de Zona Especial de Interesse Social (Zeis); e às políticas de gênero e infância, para que mulheres e crianças tenham igualdade de oportunidades na cidade, promovendo o acesso equitativo a serviços básicos.

Próximas etapas

Foi definido que Suzano enviará 25 delegados para a “7ª Conferência Estadual das Cidades”, que acontecerá nos dias 5 e 6 de julho, no Memorial da América Latina, zona oeste da capital paulista. A lista final com os nomes ainda está sendo fechada, mas os escolhidos representarão os movimentos populares, as entidades sindicais, os conselhos profissionais, os empresários relacionados ao setor, o Poder Público e as Organizações Não Governamentais (ONG) com atuação na área de desenvolvimento urbano.

As etapas de discussão se encerram na “6ª Conferência Nacional das Cidades”, a ser realizada em novembro, com base no tema “Construindo a Política Nacional de Desenvolvimento Urbano: caminhos para cidades inclusivas, democráticas, sustentáveis e com justiça social”, que receberá contribuições das propostas aprovadas nas conferências de cada Estado, após a discussão em torno das propostas aprovadas em cada conferência municipal.

O secretário frisou que a gama de assuntos tratados revela a importância desse debate para o desenvolvimento de Suzano. “Colocamos em pauta os principais aspectos relacionados à melhoria da qualidade de vida dos cidadãos. Os objetivos que serão levados nas etapas seguintes têm relação com políticas sociais, ambientais e urbanas, que qualificarão nossa cidade para os avanços que pretendemos”, declarou Vieira.

Por sua vez, o prefeito destacou que Suzano já se prepara para os 100 anos, discutindo com a sociedade as bases para a evolução da cidade. “A Conferência das Cidades se integra ao conjunto de eventos que temos realizado para pensar e planejar a cidade que queremos para os próximos 25 anos. Já organizamos o ‘Suzano do Amanhã + 5’ no ano passado, onde trouxemos especialistas internacionais, e agora estamos tendo a oportunidade de dialogar com representações da sociedade civil. É uma atividade que olha com a atenção necessária para nossa realidade, propondo objetivos que tornem nosso município cada vez melhor para todos”, ressaltou o chefe do Poder Executivo municipal.

Deixe seu Comentário

Leia Também