Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Terça 21 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 21/11/2017
mrv

Polícia prende homem com drogas e munições

08 JUL 2015 - 08h01

Um homem de 27 anos foi preso, na noite de segunda-feira, na Rua Nair Nascimento de Oliveira, no Miguel Badra, em Suzano. Ele é suspeito de comercializar drogas e armazenar munições de fuzil e pistola. Ao todo, a Polícia Militar (PM) apreendeu 377 pinos contendo cocaína, quatro munições - duas de fuzil 762 e de pistola 9 milímetros- dois celulares, uma réplica de pistola, além de R$ 1,4 mil.

A PM fazia o patrulhamento ostensivo para reprimir a prática de crimes na região quando avistou um homem nas proximidades de um local conhecido pela venda de entorpecentes. Percebendo a presença da polícia, o suspeito correu por uma viela, mas foi abordado enquanto tentava entrar no quintal onde morava.

Na abordagem, os policiais localizaram dentro de uma sacola plástica 37 pinos contendo cocaína, dois celulares, R$ 200 e uma arma de brinquedo. O homem contou ter saído da cadeia há um mês e por ter dívidas com traficantes locais, resolveu, novamente, comercializar drogas na área.

Com a declaração, a polícia o questionou sobre a existência de mais entorpecentes espalhados no local da abordagem.

Neste momento, o suspeito revelou que mantinha mais drogas armazenadas dentro de uma caixa na residência e mostrou o cômodo onde estava. Ao verificarem, os policiais acharam sacos plásticos contendo 300 pinos de cocaína, R$ 1,2 mil e quatro munições- duas de fuzil e duas de pistola.

Desconfiados, os policiais continuaram a questioná-lo pela localização das munições. Entretanto, o homem admitiu apenas a posse das drogas e relatou desconhecer a presença dos projéteis.

Os policiais ainda verificaram demais cômodos e possíveis locais que servissem para armazenar algum armamento, porém nada foi encontrado.

A polícia o conduziu à Delegacia Central para tentar levantar mais dados, porém o suspeito quis permanecer calado até que seja levado à Justiça.

As drogas e munições foram encaminhadas ao Instituto de Criminalística (IC) de Mogi das Cruzes.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias