domingo 14 de julho de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 14/07/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Editorial

Estradas e seus riscos

12 julho 2015 - 08h00

Como todo feriado prolongado, circular de carro pelas estradas do Estado requer cuidados para que sejam evitados acidentes. Segundo o Ministério das Cidades, pesquisas comprovam que o consumo de álcool, mesmo em quantidade pequena, aumenta o risco de acidentes, tanto para condutores como para pedestres. Além de provocar a diminuição de funções indispensáveis à segurança ao volante, como a visão e os reflexos, o álcool diminui também a capacidade de discernimento, estando em geral associado a outros comportamentos de risco, como excesso de velocidade e a não utilização dos equipamentos de segurança. No Alto Tietê, operações especiais foram montadas para que o trajeto do turista seja o mais seguro possível. Muitas medidas podem ser tomadas, antes de o motorista se locomover ao seu destino ou voltar dele. Antes de “cair” na estrada em direção ao litoral ou voltar dele, veja a previsão de tráfego nas principais rodovias estaduais paulistas e escolha os melhores horários. A previsão da Ecovias, concessionária que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes, é que entre 240 e 310 mil veículos tenham descido a serra em direção ao litoral paulista. O balanço só será divulgado nos próximos dias. A contagem dos carros se iniciou à zero hora de quarta-feira, e se encerra à meia-noite de hoje. A partir das 12h de hoje, a expectativa é que o volume de tráfego comece a se intensificar no sentido São Paulo, horário para o qual a Ecovias programou a implantação da Operação Subida. Neste esquema, as duas pistas da Imigrantes e a pista norte da Anchieta serão destinadas aos veículos que retornam a São Paulo, enquanto a pista sul da Anchieta ficará à disposição dos motoristas com destino ao litoral. As medidas estão sendo tomadas pelas autoridades rodoviárias para que se evitem os acidentes, mas é importante também que o motorista fique cada vez mais conscientizado da importância dele em se evitar os acidentes. Por isso, as precauções devem ser tomadas e as orientações seguidas para que no final, os números de acidentes e mortes sejam reduzidos.