Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Terça 21 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 19/11/2017
mrv

Após conquistar título do Mundial nos EUA, mogiano sonha ainda mais alto no jiu-jitsu

04 JUN 2015 - 08h00

Campeão do Mundial de Jiu-Jitsu na última sexta-feira, em torneio realizado em Los Angeles, nos EUA, o atleta Marcus Vinicius Ribeiro, o Scooby, da equipe Rodolfo Ionta Brazilian Jiu-Jitsu (Alliance), revelou que sonha ainda mais alto em suas conquistas na arte suave, após o feito inédito para um atleta de Mogi das Cruzes, sua cidade natal.

"Quero completar o Grand Slam, que é vencer o Pan-Americano, o Europeu, o Mundial e também o Brasileiro. Em qualquer faixa, mas gostaria de ganhar esse feito na faixa-azul também", diz Scooby, que também falou sobre a conquista na Califórnia. "É uma sensação inexplicável. Na hora que acabou a luta, eu só chorava", conta.

Após vencer seis lutas, ele conquistou a medalha de ouro na categoria faixa-azul peso pesado adulto, no Mundial da International Brazilian Jiu-Jitsu Federation (IBJJF), maior entidade internacional do esporte. Na categoria absoluto (peso livre), ele perdeu nas quartas de final para o campeão (Gustavo Batista).

"Na primeira luta da categoria pesado, peguei um cara que já tinha me finalizado em um outro campeonato, mas consegui vencer tranquilamente. Na segunda luta, finalizei em 34 segundos, com um triângulo voador. Na terceira, também finalizei, com uma botinha. A quarta luta também venci com uma finalização, e foi tranquilo. Já na semifinal, peguei um cara duro, e venci nas vantagens, por 2 a 1", conta o mogiano.

Na decisão da categoria, o adversário foi o alemão Eric Jasper Bergmann. "É um cara duro, que foi campeão do Europeu e também venceu um torneio em Abu-Dhabi (Emirados Árabes). Mas consegui raspar, passei a guarda e venci por 7 a 0", descreve o atleta.

"Depois da luta, lembrei de tudo o que passei para conquistar o título. Dos treinos, da correria e também dos parceiros que me ajudaram. É tudo muito bom", completa Scooby.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias