Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Terça 21 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 19/11/2017
mrv

Pai de Neymar vai cuidar da carreira do técnico Marcelo Fernandes, do Santos

05 MAI 2015 - 08h00

Depois de ter sido efetivado como técnico do Santos em março e de ter conquistado o título paulista no último domingo, Marcelo Fernandes quer manter a sua carreira em ascensão. Ontem, ele assinou contrato de gerenciamento de carreira com a empresa de Neymar Silva Santos, o pai de Neymar.

O gerenciamento da carreira significa a criação de um estafe, como advogado e um empresário, por exemplo, para cuidar das negociações de contrato, além de buscar patrocínios e ações de marketing. "Um título representa uma chancela de qualidade. Ele deixa de ser mais um técnico para ser considerado um bom treinador", afirmou Amir Somoggi, consultor de marketing e gestão esportiva.

As primeiras providências dos novos parceiros serão negociar um aumento salarial e definir a sua permanência como treinador. Desde que foi efetivado, o tema ainda não foi discutido. Seu salário recebeu apenas uma bonificação por acúmulo de função - oficialmente, ele ainda é auxiliar.

Em entrevista à rádio Estadão, o treinador afirmou que está tranquilo em relação ao seu futuro. "Eu estou muito tranquilo em relação a isso, não gosto de ficar na ansiedade de nada. Não estou preocupado com o futuro, têm pessoas cuidando disso", disse o técnico. "O dinheiro é importante, mas resolvi deixar de lado por enquanto, nessa oportunidade ímpar. A diretoria sempre soube reconhecer meu lado, por isso que a sintonia está legal".

Marcelo Fernandes e Neymar pai são amigos desde a juventude quando atuavam nos campos de várzea de Santos. "O Neymar pai sempre foi muito correto comigo. Essa amizade me ajudou bastante nessa nova trajetória da minha carreira", afirmou Marcelo, na assinatura do contrato, em Santos.



LUCAS LIMA FICA

O presidente do Santos, Modesto Roma Júnior, confirmou o interesse do Cruzeiro na contratação do meia Lucas Lima, mas garantiu que o jogador vai permanecer na Vila Belmiro. Segundo o dirigente santista, o contato foi feito pelo presidente mineiro, Gilvan de Pinho Tavares, que manifestou o interesse na contratação do jogador por meio de uma ligação telefônica efetuada ontem.

"O Gilvan me ligou e acertamos tudo. O Lucas Lima fica no Santos", disse o dirigente santista. "Eu avisei que não vamos libertar o Lucas", completou Modesto, afirmando que uma proposta não chegou a ser apresentada oficialmente.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias