Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Quarta 22 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/11/2017
mrv

Palmeiras e Santos disputam clássico em situações opostas no Brasileirão

19 JUL 2015 - 08h00

Na última vez em que se enfrentaram, o Santos saiu de campo campeão e o Palmeiras cabisbaixo. Dois meses e meio depois, os rivais se encontram no Estádio Allianz Parque, em São Paulo, hoje, às 16 horas, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro, em momentos completamente opostos. O campeão está na zona de rebaixamento, enquanto que o vice cresce a cada rodada e estreia um nome de peso.

No Palmeiras, a expectativa está na primeira partida de Lucas Barrios. O paraguaio, com apenas dois treinos ao lado de todo o grupo, já deve ficar como opção no banco de reservas e certamente entrará no decorrer da partida. "Por questão de coerência, vou manter o Leandro Pereira na equipe", explicou o técnico Marcelo Oliveira.

Independentemente do que acontecer no clássico, a tendência é que realmente o atacante entre até para ganhar rapidamente ritmo de jogo e existe, inclusive, a possibilidade de domingo que vem, diante do Vasco, no Rio, ele já ser titular.

O empate com o Sport na última rodada fez com que o time alviverde desse uma pequena distanciada do G4, mas isso não significa que o objetivo mudou. "Estamos em uma boa posição, crescendo no campeonato, jogaremos em casa e estamos próximos do G4. Temos uma boa oportunidade de nos manter bem na tabela", alertou o treinador.

Santos

O Santos quer deixar a zona de rebaixamento e encerrar incômodo jejum no Brasileirão: ainda não venceu como visitante. Em sete jogos, foram cinco derrotas e dois empates. Apesar da necessidade da vitória, o técnico Dorival Junior reconhece que o rival vive momento melhor. "Temos de respeitar isso, mas vamos buscar e correr atrás para fugirmos dessa situação que é muito incômoda", afirmou.

O atacante Ricardo Oliveira é a esperança de gols. Artilheiro dos clássicos em 2015 - ele marcou sete gols em oito jogos.

Dorival confirmou o retorno de Renato ao time titular no lugar de Paulo Ricardo - esta deverá ser a única mudança em relação à equipe que venceu o Figueirense por 3 a 0.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias