Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Quarta 22 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/11/2017
mrv

Pan: equipe de saltos fica sem medalha no hipismo e encerra série de 24 anos

24 JUL 2015 - 08h00

O grande nome do hipismo brasileiro ainda era Neco Pessoa quando o País ficou fora do pódio da competição por equipes de saltos nos Jogos Pan-Americanos pela última vez. Ontem, 24 anos depois, isso voltou a acontecer. Quinto colocado no Mundial do ano passado, o Brasil ficou apenas na quarta colocação em Toronto.

O time, é importante ressaltar, competiu desfalcado. Doda foi cortado já com o Pan em andamento porque a sua montaria sofreu uma lesão. Rodrigo Pessoa foi convocado para o seu lugar, mas foi a Toronto apenas para o risco de algum outro conjunto ter problemas. Ficou na reserva, mesmo sendo campeão olímpico.

Os brasileiros terminaram a competição por equipes com 14 pontos perdidos, dois a menos que os Estados Unidos, que ficaram com o bronze. A Argentina somou oito e o Canadá, sete. Os donos da casa não só ganharam o ouro como comemoraram a vaga nos Jogos Olímpicos do Rio, em 2016. O Brasil, por ser país sede, já estava classificado.

Futebol Masculino

Jogando contra o Uruguai na semifinal do Pan, o time masculino de futebol do Brasil foi derrotado por 2 a 1 e vai disputar a medalha de bronze da competição. Mesmo atuando boa parte do duelo com um jogador a mais e saindo na frente do placar, a equipe brasileira não conseguiu evitar a virada e a derrota para os uruguaios.

Handebol

"Engasgada" com a medalha de prata dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara (2011), a seleção brasileira masculina de handebol ganhou ontem a chance de deixar o passado para trás. Com a vitória sobre o Chile por 34 a 24, a equipe do técnico espanhol Jordi Ribeira carimbou a passagem para a final e brigará pelo ouro do Pan de Toronto amanhã, às 21 horas (de Brasília).

Atletismo

Principal nome das provas de velocidade do País na atualidade, Ana Cláudia Lemos está fora dos Jogos Pan-Americanos e também não deverá participar do Mundial de Atletismo, que acontece daqui a exato um mês, em Pequim (China). Ela sofreu uma lesão no músculo posterior da coxa direita nas eliminatórias dos 200 metros em Toronto, realizada ontem.

Antes de Ana Cláudia, o Brasil havia perdido Joelma das Neves, também por lesão muscular, para o revezamento 4x400 metros. Já no time masculino de 4x100 metros, Codó foi liberado para voltar ao Brasil após queimar a largada na prova individual.

Já na disputa do salto com vara, a brasileira Fabiana Murer abandonou a última tentativa de saltar 4,85m e ficou com a medalha de prata ontem. O ouro ficou com a cubana Yarisley Silva.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias