Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Segunda 20 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 19/11/2017
mrv

São Paulo quer recuperação imediata contra o São Bento, no Morumbi

12 MAR 2015 - 08h01

Cinco dias depois da segunda derrota no ano para o Corinthians, o São Paulo retorna hoje ao Morumbi, às 19h30, para tentar esquecer o fracasso. Pelo menos a tendência é o time ter na partida um adversário propício para se reabilitar, já que enfrenta o São Bento, que está há cinco rodadas sem ganhar no Campeonato Paulista. A equipe de Sorocaba faz campanha ruim, é vice-lanterna do Grupo B e só tem uma vitória em oito rodadas. O resultado positivo foi contra o Marília, dono da pior pontuação geral.

O São Paulo teve uma programação diferente na véspera da partida e demonstrou estar bastante cuidadoso com a importância do resultado. O técnico Muricy Ramalho mudou de postura, fez treino tático secreto e só deixou os jornalistas entrarem no CT da Barra Funda depois de 40 minutos.

A primeira derrota para o Corinthians no ano, na estreia da Libertadores, mês passado, também levou o São Paulo a mudar os planos. Três dias depois de perder, Muricy desistiu de escalar os reservas e colocou em campo o time titular para poder ganhar do Audax e readquirir confiança.

O novo tropeço faz o elenco reviver os dias de cobrança. O elenco do São Paulo sente a necessidade de dar uma resposta à torcida e até quem não estava nas duas derrotas recentes para o rival revela a obrigação de vencer o São Bento. "Vi os dois jogos com o Corinthians do estádio. Posso garantir que antes desses resultados incomodarem o torcedor, incomodam também aos jogadores", disse ontem o lateral-esquerdo Carlinhos.

O jogador é a principal novidade do São Paulo para o jogo. Depois de 40 dias e dez partidas longe do time, está recuperado de tendinite no joelho esquerdo e entra na vaga de Reinaldo.

A escalação da equipe é uma incógnita. Com algumas baixas, um time misto vai entrar em campo. Os desfalques confirmados são quatro. Na zaga, Rafael Toloi está suspenso e Dória tem problema no tornozelo esquerdo. O atacante Luis Fabiano, com dores na coxa direta, e o volante Souza, lesionado na coxa esquerda, também não treinaram e estão fora.

Ganso não foi relacionado e no ataque Muricy volta a contar com Alexandre Pato, que deve ter a companhia de Alan Kardec no setor. O destaque do clássico, o argentino Centurión, será mantido na posição em que atuou, na meia-esquerda.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias