quarta 17 de julho de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 17/07/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Esportes

São Paulo visita o líder Atlético-MG com o objetivo de não perder o G4 de vista

29 julho 2015 - 08h00

Se para algumas equipes enfrentar o líder do campeonato é um desafio, o São Paulo tenta encarar como oportunidade. Para o time do Morumbi, o jogo contra o Atlético Mineiro, hoje, às 22 horas, no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, pela 16ª rodada, servirá como um teste real das ambições da equipe na tabela do Brasileiro. O São Paulo se apega a alguns fatores para acreditar na possibilidade de derrubar o favorito. Os jogadores ressaltaram que jogar no Estádio do Mineirão, local da partida, é mais fácil do que suportar a pressão da torcida no Independência e ainda terão a volta de Luis Fabiano e Paulo Henrique Ganso, que estavam suspensos e devem ser titulares. "Não tem coisa melhor do que enfrentar o líder agora. Viemos de um bom resultado, ganhamos do atual bicampeão brasileiro (Cruzeiro)", disse ontem o atacante Alexandre Pato. "Podemos chegar ao G4. Um bom resultado vai nos dar bastante confiança", acrescentou. O jogador voltou a aquecer a polêmica com o Corinthians, clube ao qual está vinculado e tem contrato de empréstimo ao São Paulo válido até o fim da temporada. Alexandre Pato rebateu o superintendente de futebol do clube rival, Andrés Sanchez, que afirmou que antes de o atacante voltar ao elenco, seria repassado ao Bragantino. "Neste momento, a gente está na casa do São Paulo. O Corinthians e o Andrés não seriam as coisas mais importantes agora", comentou. "Essas coisas de contrato, de empréstimo e até mesmo o que Andrés fala não me interessa. Minha cabeça está voltada ao São Paulo", comentou o jogador, que com 17 gols é o artilheiro do time do Morumbi na temporada. "Faltam meses ainda para isso. Minha cabeça agora está na entrevista e, depois, no jogo com o Atlético Mineiro. Tem muita coisa para acontecer ainda", completou. O técnico colombiano Juan Carlos Osorio deve mandar a campo uma escalação um pouco mais cautelosa. O atacante argentino Centurión deve sair da equipe para a entrada de Luis Fabiano. O volante Thiago Mendes continua improvisado na lateral direita, já que Bruno não se recuperou de lesão no tornozelo esquerdo.

Deixe seu Comentário

Leia Também