Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 27 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 27/10/2020
PMMC OUT ROSA
SOUZA ARAUJO
Pmmc Sarampo Outubro
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC MULTI 2020
Combate ao novo Coronavírus

Deputada da região apresenta projeto para reduzir em 50% salários de parlamentares, governador, vice e secretários

Por Da região02 ABR 2020 - 14h50
Deputada propõe redução de saláriosFoto: Divulgação

A deputada estadual Alessandra Monteiro (Rede) protocolou dois Projetos de Lei que, segundo ela, podem endossar a luta dos paulistas contra os efeitos do COVID-19.

 

Os documentos propõe a redução de 50% nos salários de todos os deputados estaduais, além do governador, vice e secretários de estado. Se aprovadas, as novas regras devem ser aplicadas enquanto o estado de São Paulo estiver sob decreto de calamidade pública.

 

Estima-se que essa medida traria em torno de 13 milhões de reais até o final do ano, o repasse desses recursos podem ser dedicados às ações de combate ao contágio do Coronavírus e o apoio aos microempreendedores individuais (MEI) afetados pela crise.

 

A medida vem em um momento de grande preocupação em relação a dimensão do contágio do vírus em São Paulo e sobre os impactos econômicos que a pandemia irá causar em todo o mundo.

 

“Diante da atual crise líderes públicos precisam ser os primeiros a tomar atitudes exemplares. Por isso, apresento esse PL, o objetivo é diminuir despesas com privilégios da classe política e encaminhar mais recurso pro combate a COVID-19 e seus efeitos. Espero poder contar com o apoio dos demais deputados para a aprovação deste projeto”, declarou Alessandra.

 

O projeto já foi publicado no diário oficial e depende de comum acordo entre os 94 parlamentares da Assembleia Legislativa para avançar em sua tramitação.

 

Medidas anteriores

 

Na semana passada a deputada mogiana também propôs indicações ao Governo do Estado e elaborou um Projeto de Lei pedindo a isenção total de cobrança de ICMS por 12 meses para itens essenciais no enfrentamento da crise. São eles: produtos de testagem e diagnósticos do Covid-19, respiradores e ventiladores pulmonares e álcool em gel 70%.

 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias