Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Quarta 22 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 21/11/2017
mrv

IPT entrega laudo oficial de avaliação do Centro Cultural de Ferraz

28 ABR 2015 - 08h01

 O Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) entregou ao prefeito de Ferraz de Vasconcelos, Acir Filló (PSDB), o laudo oficial de avaliação do Centro Cultural, localizado na Praça dos Trabalhadores, na malha central da cidade. O documento foi disponibilizado à administração municipal na manhã de sexta-feira, durante reunião realizada entre os representantes do primeiro escalão ferrazense e da empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação do governo do Estado. O relatório oferece o passo a passo que a administração terá de seguir de agora em diante, para que seja possível recuperar e utilizar o prédio, ou demoli-lo.

O encontro foi abrigado no Gabinete Principal do Palácio da Uva Itália, na Vila Romanópolis. Na oportunidade, o engenheiro civil Diego Lapolli Bressan, do IPT, falou das conclusões do instituto quanto à situação do Centro Cultural, que foi inaugurado em dezembro de 2012 pela gestão anterior e interditado nos primeiros dias de 2013 pelo atual governo, por meio da Secretaria Municipal de Obras. O embargo, válido até os dias de hoje, ocorreu em razão de o prédio oferecer risco ao cidadão por ter sido entregue inacabado e sem, ao menos, cinco requisitos indispensáveis de segurança.

Conforme o laudo oficial emitido, na época, pela prefeitura, a obra estava em desacordo com o projeto inicial e não atendia à legislação. A edificação não contava, por exemplo, com sistema de prevenção e de combate a incêndio, pára-raios, torneiras nos sanitários e tubulações contra chamas. O auditório também não foi equipado com poltronas.

De acordo com o IPT, o equipamento, de fato, não atende às normas brasileiras em vigência, entre elas a NBR 6118:2014 - Projeto de estruturas de concreto - Procedimento e a NBR 14931:2004 - Execução de estruturas de concreto - Procedimento, não podendo, de forma alguma, ser utilizado internamente, ao passo em que o recuo externo deve ser aumentado.

Diante disso, o documento aponta necessária a contratação por parte do governo municipal de empresa especializada em projetos e execução de reforço em estruturas de concreto armado, para a recuperação do prédio, ou para sua demolição.

Os técnicos do IPT deram início em 25 de novembro de 2014 ao mapeamento do Centro Cultural. Concluída a vistoria in loco e a extração de material, os profissionais do instituto analisaram os produtos em laboratório e, com a coleta de dados, finalizaram o laudo, entregue na sexta.

O secretário de Planejamento de Ferraz, Silas Faria de Souza, lembra que, para uma futura definição sobre o Centro Cultural, a primeira etapa foi concluída, que diz respeito à contratação do IPT e a entrega do relatório pela empresa que faz parte do organograma do governo paulista.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias