Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 26 de maio de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 25/05/2020
DIARIO DE SUZANO SOLIDÁRIO

Isolamento contra o coronavírus tem apoio de 70,9%, diz enquete

Pelo menos 471 internautas responderam às 4 perguntas feitas pelo DS realizadas entre segunda e quarta-feira

Por Nayara Francesco - da Região09 ABR 2020 - 05h00
Resultado prévio da enquete: maioria é à favor do isolamentoFoto: Reprodução/DS
Exatamente 70,9% dos internautas e leitores do Diário de Suzano que responderam à pesquisa até ontem (8) são a favor do isolamento social como ação de prevenção à proliferação do novo coronavírus (Covid-19). 
 
O dado é da enquete realizada pelo DS nos últimos dois dias com ajuda da Plataforma Google Formulário. 
 
Foram 471 respostas. Destes, 29,1% são contrários a permanência da quarentena. 
 
A maior parte do público possui entre 41 e 55 anos de idade (30%), faixa etária que não faz parte do grupo de alto risco.
 
Em seguida estão pessoas com idade entre 31 e 40 anos (27%). 
 
Do grupo que pode ter riscos de complicações mais agravantes da contaminação, estão pessoas de 56 a 79 anos (9,1%) e acima de 80 anos (21,5%). 
 
Os mais jovens preenchem 27% com idades entre 31 e 40 anos; 26 a 30 anos (11,5%) e de 18 a 25 anos de idade (21,5%). 
 
Os portadores de doenças crônicas, assim como os idosos, também são mais propensos a ter complicações e correm o risco de morrer da doença do coronavírus. 
 
Do total de respostas na pesquisa, 23,4% possuem alguma complicação com doenças crônicas (hipertensão, diabetes ou asma) ou está em tratamento oncológico (câncer). 
 
No quesito socioeconômico, 44,6% dos leitores possuem renda acima de três salários mínimos. Até dois salários são 30,4%, 13,4% dispõe de um salário mínimo e 11,7% recebem menos que um salário. 
 
A quarentena para diminuir o número de infectados pelo Covid- no Estado de São Paulo foi prorrogada por mais 15 dias, até o dia 22 de abril nos 645 municípios.
 
A determinação foi anunciada pelo governador João Doria (PSDB) na última segunda-feira (06). 
 
Em quesito socioeconômico, 44,6% recebem 3 salários
 
Na enquete realizada pelo DS, com o objetivo de saber o que a população pensa em relação ao decreto de isolamento social para diminuir os números de infectados e mortos no País, no quesito socioeconômico, 44,6% dos leitores possuem renda acima de três salários mínimos.

Até dois salários são 30,4%, 13,4% dispõe de um salário mínimo e 11,7% recebem menos que um salário. A pesquisa foi realizada por meio da plataforma do Google Formulários.

Auxílio Emergencial 

De acordo com a Caixa Econômica Federal, um dos requisitos para receber o Auxílio Emergencial do governo federal, para que a população impactada financeiramente consiga arcar com os custos básicos familiar, é ter uma renda familiar mensal per capita (por pessoa) de até meio salário mínimo (R$ 522,50) ou renda familiar mensal total (tudo o que a família recebe) de até três salários mínimos (R$ 3.135,00). 

Suzano

Em 2017, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE) o salário médio mensal da cidade de Suzano era de até três salários mínimos. 

Ainda de acordo com o último censo, cerca de 37,6% da população suzanense vive com até meio salário mínimo por pessoa. 

Regras 

As pessoas que possuem o interesse em receber o Auxílio Emergencial do governo, deve atender a uma série de requisitos para ter acesso ao valor de R$ 600. Todos devem ter idade acima de 18 anos, não estar formalizado em um emprego e não ser beneficiário, ou seja, não receber valores previdenciário ou assistencial; seguro desemprego ou de outro programa de transferência de renda federal que não seja o Bolsa Família. 

Quem foi usufruir do valor de emergência, também não pode ter recebido rendimentos tributáveis, no ano de 2018, o valor acima de R$ 28.559,70. 

Aqueles que estão desempregados ou exercem atividades em condições de microempreendedor individual (MEI) ou que são contribuintes individual ou facultativo do Regime Geral de Previdência Social (RGPS), também se enquadram nos requisitos positivos para liberação do valor. O trabalhador informal do Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), também faz parte da regra e pode recorrer ao sistema disponibilizado no site da Caixa Econômica Federal (auxilio.caixa.gov.br/#/inicio), para receber o dinheiro.
 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias