Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Sábado 25 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 24/11/2017
mrv

Poá notifica a Sabesp por lançar esgoto ‘in natura’ no Córrego Paredão

29 JUL 2015 - 08h00

 A Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Poá notificou na segunda-feira a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) pelo lançamento de esgoto "in natura" no córrego Paredão, localizado na Rua Arlindo Corrêa, Vila Pereta que faz divisa com a cidade de Ferraz de Vasconcelos.

Segundo explicou o secretário municipal de Meio Ambiente, José Edilson Marques da Silva, o córrego Paredão que nasce em Ferraz de Vasconcelos e margeia toda a divisa do município, recebe água de pequenas nascentes da região até despejar suas águas no córrego Itaim.

Para o secretário, o lançamento do esgoto in natura pode trazer grandes transtornos, pois o contato direto com a vegetação, fauna e microfauna, causa danos ambientais, interferindo em processos fisioquímicos das plantas e animais adaptados às condições naturais.



CAMPO GRANDE

Aproximadamente um mês atrás, a Sabesp foi multada pelo mesmo motivo, só que em relação ao córrego Campo Grande, que passa por Poá e é afluente do Rio Guaió, que lava água ao Sistema de abastecimento Alto Tietê.

Na época, a Prefeitura havia informado que cerca de 43 mil pessoas tinham sido atingidas pelo dano ambiental, uma vez que o córrego abastece parte de um bairro poaense. O valor da multa teria sido de R$ 1 milhão.

Segundo informou José Edilson, após o recebimento da notificação, a empresa tem o prazo de 24 horas para tomar providências e, caso não atenda a solicitação, haverá aplicação de outras penalidades como multas, prevista em lei.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias