Envie seu vídeo(11) 97569-1373
domingo 16 de dezembro de 2018

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 15/12/2018
MRV DEZEMBRO - 13º EM DOBRO

Quatro cidades do Alto Tietê contam com 43 profissionais do Mais Médicos

19 JUL 2015 - 08h00

Suzano, Mogi das Cruzes, Itaquaquecetuba e Ferraz de Vasconcelos, possuem 43 profissionais do programa federal Mais Médicos. Itaquá é o município que possui o maior número de funcionários contratados por meio da iniciativa, 16. Mogi é a cidade com o menor índice, apenas dois.

Suzano conta hoje com dez médicos do programa. Os profissionais atuam na cidade desde setembro de 2013. "A cidade não solicitará mais profissionais, pois aguarda a reposição de dois médicos cubanos que abandonaram o programa", detalhou a administração em nota.

Mogi adiantou que os dois médicos que atuam no município, foram incluídos neste ano e fazem parte do Programa de Valorização do Profissional da Atenção Básica (Provab), programa que incentiva médicos brasileiros recém-formados a atuarem na atenção básica de saúde. "Esta iniciativa faz parte do Mais Médicos também. O número de profissionais é indicado pelo governo federal e as contratações dependem do interesse dos médicos", pontua.

Em Itaquá, 16 médicos trabalham por meio do projeto. A Prefeitura adianta que tem interesse em contratar mais profissionais do programa federal. "Aguardamos a publicação do edital para saber se é viável e se eles terão que atuar exclusivamente na Estratégia Saúde da Família (ESF) ou se poderão trabalhar nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) convencionais", revela.

Conforme publicado pelo DS, Ferraz conta com 15 profissionais do Mais Médicos e tem a disposição mais três vagas para os médicos que tiverem interesse de atuar no município.

NACIONAL

Em todo o País são 276 vagas. Elas são resultado da adesão de 200 municípios, que confirmaram o interesse em manter os postos abertos a partir de desistências ou desligamentos. O Sudeste solicitou 72 médicos em 54 localidades.

PROGRAMA

Criado em 2013, o Mais Médicos ampliou a assistência na Atenção Básica fixando médicos nas regiões com carência de profissionais. Além do provimento emergencial de médicos, a iniciativa prevê ações voltadas à infraestrutura e expansão da formação médica no País.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias