Envie seu vídeo(11) 4745-6900
terça 25 de janeiro de 2022

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 25/01/2022
Centro médico influenza
COVID CENTRO MÉDICO
PMMC PEDÁGIO CANCELADO

Região impulsiona turismo local e aposta na retomada da economia

Municípios elaboram e colocam em prática projetos de restauração e conservação de pontos turísticos

Por Matheus Cruz - da Região05 DEZ 2021 - 18h00
Cidades buscam investimento em turismoFoto: Regiane Bento/DS
As cidades do Alto Tietê estão investindo em ações de fomento ao turismo local. Com o aumento no número de vacinados contra a Covid-19, a aposta é de que o desenvolvimento turístico e hospitaleiro impulsione a retomada da economia em um cenário pós-pandemia.
 
Através dos conselhos de turismo, as prefeituras elaboram e colocam em prática projetos de restauração e conservação de pontos turísticos que podem atrair pessoas de outros lugares para a região.
 
É o caso de Suzano, que conta com o Casarão da Memória, o Parque Municipal Max Feffer, Viveiro Municipal Tomoe Uemura, Praça Cidade das Flores, Praça Sol Nascente, Praça Ernestina Maria de Jesus Bianchi e a Igreja do Baruel como principais pontos de atração.
 
De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego de Suzano, André Loducca, são feitos trabalhos com outras secretarias para alavancar o setor.
 
“Temos trabalhado de maneira transversal junto com outras secretarias, como Cultura, Meio Ambiente e Planejamento Urbano, além da sociedade civil organizada e o Conselho Municipal de Turismo (Comtur), no sentido de potencializar as nossas ações para melhoria desse importante setor”, disse. Para o próximo ano, o objetivo do titular da pasta é criar um círculo no setor entre as atrações públicas e privadas, como parques aquáticos, chácaras, sítios, apicultura, artesanato, pesqueiros, restaurantes, entre outras atividades. Também há um esforço para a implantação do Mirante do Sesc.
 
Já em Poá, cidade considerada Estância Turística, as ações são feitas por meio da Secretaria Municipal de Cultura, Esportes e Turismo. A cidade conta com fontes de águas radioativas com propriedades medicinais (aquífero pré-cambriano); Museu Padre Eustáquio (administrado pela Igreja Matriz Nossa Senhora de Lourdes); Teatro Municipal (recebeu pintura externa de grafiteiros); Praça dos Eventos (atualmente em reforma) e a Praça do Obelisco, que passou por manutenção neste ano.
 
De acordo com o Executivo, recentemente houve uma conversa com o Ministério do Turismo. Nesta reunião foi tratado sobre as linhas de crédito disponíveis para a valorização do turismo municipal e ações de capacitação dos gestores do setor. Mogi das Cruzes conta com diversos atrativos turísticos de variados segmentos. Dentre eles destacam-se o Mirante do Pico do Urubu, o Parque Centenário da Imigração Japonesa, o Distrito de Sabaúna com sua Estação Ferroviária, entre outros.
 
A Prefeitura também tem entre seus projetos prioritários, diversas ações em prol do turismo, como a realização de eventos de grande porte em parceria com a iniciativa privada para atrair turistas à cidade, principalmente pela motivação gastronômica e cultural.
 
Guararema também está acentuando os trabalhos no turismo. A cidade conta com diversos espaços onde a área verde é valorizada. Caso do passeio turístico cultural no Trem de Guararema, que contempla o Patrimônio Ferroviário, incluindo as duas estações de trem da cidade. Cenário parecido em Biritiba Mirim, onde além das belezas naturais e passeios em trilhas, a cidade mantém a feira de artesanato. Até o fechamento desta reportagem, as prefeituras de Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Salesópolis, Arujá e Santa Isabel não retornaram o contato feito pelo DS.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias