Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quinta 12 de dezembro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 11/12/2019
CENTRO ONCOLÓGICO
Balanço

Região tem 2.529 apartamentos inadimplentes, aponta CDHU

Número de inadimplentes representa 20,8% do total de pessoas que receberam apartamentos no Alto Tietê

Por Daniel Marques - da Região22 NOV 2019 - 22h24
Região tem 2.529 apartamentos inadimplentes, aponta CDHUFoto: Sabrina Silva/DS
O Alto Tietê tem 2.529 apartamentos inadimplentes - com mais de três parcelas em atraso - dos 12.210 contratos ativos de apartamentos entregues pela Secretaria Estadual de Habitação. Os dados são da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo (CDHU), e correspondem até o mês de maio deste ano.
 
O número de inadimplentes representa 20,8% do total de pessoas que receberam apartamentos por meio da CDHU e do programa Casa Paulista.
 
Itaquaquecetuba lidera a lista de inadimplentes, com 948 contratos em aberto dos 3.978 ativos. Mogi, com 697 devedores dos 3.547 contratos ativos, é a 2ª colocada, seguida por Ferraz de Vasconcelos, com 458 inadimplentes dos 2.529.
 
Suzano tem 976 contratos ativos, sendo 201 inadimplentes. A cidade aparece na 4ª posição do ranking. Poá, que é a 5ª colocada, tem 84 dos 352 contratos ativos com mais de três parcelas em aberto. Arujá, com 57 inadimplentes, está na 6ª posição. A cidade conta atualmente com 373 contratos ativos. Santa Isabel com 42 devedores dos 250 contratos é a 7ª. Guararema, com 30 inadimplentes e Biritiba Mirim, com 12, fecham a lista. As cidades têm 126 e 79 contratos ativos, respectivamente. Salesópolis é a única cidade da região que não tem contratos ativos.
 
Proporcionalmente, no percentual de inadimplentes em comparação com o número de contratos ativos, Poá lidera o ranking, com 23,86% dos contratos inadimplentes. Em seguida vem Itaquaquecetuba, que tem 23,83% dos contratos ativos com mais de três meses em aberto. Guararema fecha o pódio, com 23,81% de devedores.
Suzano tem 20,59% de inadimplência e figura na 4ª colocação. Depois vem Mogi das Cruzes e Ferraz de Vasconcelos, com 19,65 e 18,11%, ocupando 5ª e 6ª posições, respectivamente. 
 
Completam a lista as cidades de Santa Isabel, na 7ª posição com 16,80% dos contratos inadimplentes, Arujá, com 15,28% e Biritiba Mirim, com 15,19% de devedores. Salesópolis não entra na lista por não ter contratos ativos.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias