Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quarta 05 de agosto de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 04/08/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

Autorizados a reabrir, comerciantes terão de se 'reinventar' em Suzano

Em academias, exercícios só serão feitos com máscara, enquanto bares terão que fechar ao final de tarde

Por Daniel Marques - de Suzano13 JUL 2020 - 22h10
Restaurante foram autorizados a abrir desde ontem em SuzanoFoto: Jackeline Lima/Divulgação
Se 'reinventar'. É isso o que os donos de bares, restaurantes e academias terão que fazer para abrir durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Mesmo com a liberação para o retorno às atividades, algumas restrições vão exigir uma nova forma de trabalho a esses estabelecimentos.
 
Bares estão autorizados a funcionar até às 17 horas sob a fase amarela do Plano São Paulo. O horário é absolutamente fora do "pico" deste tipo de estabelecimento, que costuma abrir após às 18 horas.
 
Por sua vez, alunos de academias vão viver algo completamente diferente do normal: realizar exercícios de máscara, o que, segundo especialistas da área, prejudica consideravelmente o desempenho durante os treinos.
 
Com os cuidados adotados voltados à proteção com máscaras e distanciamento social dentro dos estabelecimentos, algumas academias também terão que desativar aparelhos para realizar o “distanciamento” entre um aluno e outro. Vestiários também poderão ficar fechados durante o horário de funcionamento.
 
Isso vai acontecer na Bio Fitness, no Centro. Felipe dos Santos Oliveira é dono da unidade e disse que todas as medidas necessárias para o retorno às atividades serão adotadas. O local está sendo limpo e a previsão é de que reabra amanhã.
 
“Tomamos as medidas necessárias. Todos usarão álcool em gel e máscaras. Limpamos a academia e alguns aparelhos ficarão inutilizáveis, para melhor separar cada aluno, e todos terão que vir vestidos de casa. Também funcionaremos com agendamento e em horário alternado, das 7 às 10 e das 15 às 18 horas”, explicou.
 
Ele espera que haja um movimento grande, principalmente porque muitas academias acabaram fechando as portas. “Acreditamos que a demanda vai aumentar, mas a prioridade, neste momento, é de atender os clientes que já têm plano. Vamos orientar para que diminuam a intensidade do treino, para que todos usem máscara dentro da academia”, contou Felipe.
 
Silvia Regina Mathias Oliveira é proprietária do Boteco Mathias. Trata-se de um dos bares mais conhecidos pelos jovens da cidade, localizado na região central. Agora, o estabelecimento terá que se readequar ao novo horário, até às 17 horas.
“Somos obrigados a reabrir, ou então vamos fechar de uma vez. Vamos funcionar no horário permitido, mas ninguém pede uma porção de batatas cedo. Teremos que nos readequar, porque somos um bar e, geralmente, o fluxo de pessoas aqui é à noite”, disse.
 
Ela também afirmou que tomará todos os cuidados no estabelecimento, como controlar o número de pessoas, disponibilizar álcool em gel e até entregar máscara de proteção à clientes se for necessário.
 
“Tudo o que nos for solicitado, vamos fazer. Já instalamos o pedestal de álcool e, se o cliente esquecer a máscara, nós daremos um jeito. Ele não vai deixar de entrar no bar se estiver sem máscara”, declarou. 
 
Thiago Andrade é dono do Espaço da Gula, restaurante que fica na Rua General Francisco Glicério. Ele entende ser um bom momento para reabrir, desde que as normas de segurança sejam seguidas.
 
“Já pode abrir, tomando as medidas corretas e se adequando. Acho importante e essencial que os comerciantes adotem essas medidas. Estamos nos atualizando e vamos cumprir as normas. Acredito que o pessoal está bem consciente, acho que estão de acordo e colaborando”, disse.
 
Com mudança de fase, Prefeitura realiza trabalho de orientação
 
A Prefeitura de Suzano está realizando um serviço de orientação e fiscalização com os donos de bares, restaurantes, academias e barbearias, que estão autorizados a reabrir o comércio desde ontem.

O trabalho é feito de forma constante pelo Departamento de Fiscalização de Posturas desde o início da quarentena provocada pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Segundo a Prefeitura, agora, os novos comerciantes que entraram na lista dos “autorizados” a reabrir também serão orientados.

Dúvida

O DS esteve ontem no Centro e conversou com donos dos estabelecimentos que abriram ontem e houve queixa por parte deles, que alegaram “esperar um decreto da Prefeitura” para reabertura. 

Um texto foi publicado nas redes sociais e no site da administração suzanense na sexta-feira (10) autorizando a reabertura. Mesmo assim, algumas pessoas não sabiam como proceder.
 
Por conta das dúvidas, a Prefeitura disponibilizou o telefone 4745-2046 para esclarecimentos.

Também pediu para que os cidadãos se mantenham atentos aos canais de informação da administração, como redes sociais, portal da Prefeitura e o Diário Oficial do município.

A Associação Comercial e Empresarial de Suzano (ACE) também deixou o site www.acesuzano.com.br, o telefone 4744-8400 e o Whatsapp 9 6665-8471 para esclarecimentos aos comerciantes.

O diretor da ACE, Rodrigo Guarizo, diz que a associação tem divulgado informações nos canais oficiais. Ele também comemorou a reabertura dos estabelecimentos. “Já era aguardada, porque na primeira fase, esperávamos a liberação e aguardamos por ela. É muito importante”, afirmou.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias