Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Quarta 22 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/11/2017
mrv

Estado inicia estudo para implantação dos parques Miraporanga e do Mirante

10 ABR 2015 - 08h00

A proposta de gerenciamento estadual do Parque Miraporanga pelo Estado e a criação do Parque do Mirante está em fase de estudos iniciais. A informação foi confirmada ontem pelo secretário estadual de Turismo, Roberto de Lucena, durante reunião com o prefeito Paulo Tokuzumi (PSDB). A afirmação foi feita ontem na primeira reunião do Circuito das Águas Nascentes do Alto Tietê. O encontro aconteceu na Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Suzano e contou com a presença do deputado estadual Estevam Galvão (DEM), além de outras autoridades.

"Recebemos as duas demandas que foram encaminhadas à secretaria. Estamos em um processo inicial de estudo de avaliação. Temos tudo à disposição", afirmou Lucena.

Um dos projetos mais esperados para Suzano é a criação do Parque Estadual Miraporanga. A propriedade é particular e tem 1,5 milhão de metros quadrados. É reduto de exemplares raros de plantas de todo o planeta, além de fauna e flora ricas em espécies da Mata Atlântica. O DS já mostrou que desde 2011, deputados têm se engajado na transformação do local em uma área turística e de lazer.

Ao que parece, a concretização está cada vez mais perto de se realizar. O secretário informou que qualquer município poderá se candidatar para receber projetos deste tipo. Para isso, os municípios deverão preencher alguns critérios como potencial turístico, Conselho Municipal de Turismo, serviço médico emergencial, infraestrutura básica, Plano diretor de turismo e expressivos atrativos turísticos.

A Prefeitura também espera o aval do Estado para viabilização do Parque do Mirante. O terreno está localizado no Sesc e tem extensa mata e nascentes que são interligadas ao Rio Tietê. A área possui mais de 20,5 mil metros quadrados, é conhecida pela antiga torre de bombeamento da Sabesp e está abandonada há mais de 20 anos.



VERBA

O secretário comentou que a pasta estadual conta hoje com o valor para investimento anual para o turismo de R$ 270 milhões. Estes recursos são repassados atualmente para 70 cidades denominadas instâncias turísticas. Com a aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) outros 140 municípios poderão receber ao menos 1% dos recursos, caso apresentem projetos de interesse turísticos (veja mais abaixo). A candidatura de Suzano é certa.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias