Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Quarta 13 de Dezembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 12/12/2017
mrv

Homicídios aumentam 25% em um ano, diz SSP

26 JUN 2015 - 08h00

Nos cinco primeiro meses deste ano, Suzano registrou 15 casos de homicídios dolosos. No ano passado o número, no mesmo período, era 12. Os dados representam um aumento de 25%. Mesmo este aumento, a cidade teve queda nas ocorrências de tentativa de homicídio, estupro, lesão corporal dolosa e roubo de veículo. Os casos de furto de veículos também cresceram. Os dados foram divulgados ontem pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP).

Neste ano, o mês de maio foi o que mais registrou assassinatos na cidade, com um total de cinco casos. Seguido por janeiro que teve quatro ocorrências do crime. Fevereiro teve três, abril somou dois e março fechou com uma ocorrência. Em 2014, os meses de janeiro e março foram os mais violentos, cada um registrou quatro casos de homicídios. Maio teve dois assassinatos. Fevereiro e abril fecharam com uma ocorrência, cada.

De acordo com a SSP, as tentativas de homicídios caíram de 17, entre janeiro e maio de 2014, para 11, neste ano. Uma redução de 35%. Os casos de estupros tiveram queda de 21%, passando de 42 para 33 ocorrências. Já o crime de lesão corporal dolosa registrou queda de 22 casos.

Em relação a roubo e furtos de veículos, vale lembrar que mesmo com a redução no primeiro caso, houve um aumento significativo no segundo. O roubo ocorre quando há contato entre o agressor e o agredido. A vítima presencia algo sendo retirado dela, sem o seu consentimento. Já o furto ocorre quando se retira algo de alguém, sem que a vítima perceba ou veja.

Os roubos de veículos passaram de 392 para 340, avaliando os cinco primeiros meses de 2014 e 2015. O que significa uma redução de 13,2% nos casos. Já os furtos subiram de 291 para 333. Um aumento de 14,4%. Na somatória dos dois tipos de delito ficaram 683 casos, em 2014, e 673, em 2015, o que mostra um cenário mais positivo para este ano.

Durante a reunião com o Conselho de Prefeitos do Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat), que ocorreu ontem em Mogi das Cruzes, o secretário estadual de Segurança Pública, Alexandre de Moraes falou comentou as ações desenvolvidas para a região. "Nos cinco primeiros meses deste ano fizemos um trabalho grande no Alto Tietê com 49 grandes operações. Aumentamos a produtividade policial em 14,62%", finalizou.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias