Envie seu vídeo(11) 4745-6900
domingo 28 de novembro de 2021

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 28/11/2021
SOUSA ARAUJO - SIENA
PMMC ECONOMIA DE ÁGUA
PMMC ISS
CREA-SP TRANSFORMAÇÃO
PMMC PPM
Cidades

Setor de Zoonoses analisa infestação de pernilongos em Suzano

Medida foi tomada após reclamações de uma infestação de pernilongos em um condomínio

Por Thiago Caetano - de Suzano17 OUT 2021 - 18h18
Setor de Zoonoses analisa infestação de pernilongos em SuzanoFoto: Regiane Bento/DS
A Prefeitura de Suzano enviará uma equipe do Setor de Controle de Zoonoses ao Jardim Nena. A medida foi tomada após reclamações de uma infestação de pernilongos em um condomínio localizado na Avenida Armando Salles de Oliveira.
 
O serviço deve ocorrer nas próximas semanas para verificar o motivo da infestação e definir qual medida será tomada. A infestação tem incomodado moradores do condomínio. Segundo relatos, os pernilongos começam a atacar por volta das 19 horas, especialmente em noites quentes.
 
A solução é manter as janelas dos imóveis fechadas ou instalar telas para impedir que os insetos entrem nas casas. Ítalo Rafael Batista da Costa trabalha em uma oficina ao lado do condomínio. Ele também sofre com os pernilongos. O problema surgiu, segundo ele, no último mês. “Tem hora que olho no carro e está cheio de pernilongo. É muito mesmo e está ficando insustentável”, afirmou.
 
A agente de viagens Fernanda Nascimento vive no condomínio. Segundo ela, eles estão espalhados por todas as partes do residencial. “Ficam em lugares escuros ou em meio às folhagens. Outros moradores que, antes não tinham esse problema, passaram a ter”, relatou.
 
O uso de inseticidas e raquetes não tem sido o suficiente. Fernanda afirma que o problema não é exclusivo do bairro. “Uso raquete e jogo spray. Mato muitos pernilongos, mas é em vão. Suzano está cheio disso”.
 
A cozinheira Marineia da Costa Muniz também relatou o problema. Ela gosta da ideia da passagem de um caminhão fumacê para controlar a infestação. “Seria bacana passar esse caminhão para controlar a situação. Eles nos incomodam muito”, relata.
 
O representante comercial Paulo César Silvério mora em outro condomínio na mesma região. A situação é pior durante o calor. “No frio eles não aparecem. A situação é pior no calor. Não pode deixar a janela aberta de jeito nenhum”, finalizou.
 
Com relação a nebulização, o Setor de Controle de Zoonoses explicou que não descarta a alternativa. No entanto, se realizada constantemente, os insetos podem resistir ao inseticida acabando com sua eficácia.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias