Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Segunda 20 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 19/11/2017
mrv

Com time quase inteiro reserva, Palmeiras põe força do elenco à prova

07 MAR 2015 - 10h07
Uma das virtudes do Palmeiras nesta temporada mais destacada pelo técnico Oswaldo de Oliveira, dirigentes e boa parte da torcida é o fato de a equipe ter muitas peças de reposição e um elenco de qualidade. Hoje será a primeira chance de mostrar que isso não é apenas no papel. Preocupado com o desgaste dos atletas, o treinador resolveu poupar praticamente todo o time diante do Bragantino, às 18h30, no Allianz Parque.

Dos considerados titulares, só Fernando Prass e Zé Roberto vão para o jogo. O zagueiro Vitor Hugo e o meia Robinho estão fora, suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Assim, jogadores que tiveram poucas oportunidades vão aparecer no time, como Victor Ramos, Amaral e Maikon Leite. O lateral-direito João Pedro estreia na temporada, no lugar de Lucas.

O clássico com o Santos, na próxima quarta-feira, também é algo que fez o técnico optar pela preservação dos atletas. Será uma boa oportunidade para o treinador ter uma ideia do potencial de seus reservas, já que o adversário não deve oferecer grandes riscos. O Bragantino tem apenas três pontos, sendo o time de segunda pior campanha no Campeonato Paulista, à frente só do Marília, que somou um ponto.

Além disso, mais uma vez a arena deve ter um bom público. Até a noite de ontem, tinham sido vendidos 24 mil ingressos para a partida. "Ainda não vi torcida como essa. Ela é sensacional e me sinto muito mais motivado e alegre de trabalhar no Palmeiras hoje por tudo isso", disse Oswaldo.

Como aconteceu diante do Vitória da Conquista, na última quarta-feira, na Bahia, pela Copa do Brasil, a promessa Gabriel Jesus fica como opção no banco de reservas. E ontem o time conseguiu a regularização de Cleiton Xavier, que só deve atuar nas quartas de final do Paulistão.

No Bragantino, o técnico Márcio Araújo vai escalar o time no esquema 4-3-3. O volante Léo Gago, que estava no Palmeiras no ano passado, é um dos jogadores mais conhecidos da equipe, que não poderá contar com o meia Caio, machucado.

O time de Bragança Paulista também tentará encerrar uma série de seis derrotas consecutivas e, mais do que isso, tentará quebrar um tabu de 20 anos sem vencer o Palmeiras. A última vitória da equipe sobre o rival aconteceu em fevereiro de 1995, quando ganhou por 1 a 0.
 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias