Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Quarta 22 de Novembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/11/2017
mrv

Suspeito de matar universitária é liberado

07 JUL 2015 - 08h01

O suspeito de participar na morte da universitária Camila Beraldo Talarico, de 25 anos, foi solto depois que a Justiça de Suzano aceitou o habeas corpus, na última sexta-feira, após o namorado de Camila dizer que não se recordava da participação do rapaz no assassinato. O crime aconteceu em junho deste ano e, até o momento, a polícia não tem informações de demais autores. O advogado e primo da universitária, José Beraldo, contou ao DS que deverá pedir ao Ministério Público um ‘olhar especial’ ao caso.

Na época, a primeira informação sobre a identificação de um suspeito foi divulgada pelo secretário estadual de Segurança Pública, Alexandre de Moraes, que estava em Mogi das Cruzes para uma entrevista coletiva. Já no dia seguinte, investigadores de Suzano e Mogi apresentaram Correa à imprensa na sede da Delegacia Seccional.

A polícia informou que diversas denúncias anônimas (181) o apontavam como o responsável de estar na parte traseira da picape Fiorino e por assustar o casal, inclusive efetuando um disparo no interior do carro.

Para concretizar a prisão, uma fotografia do suspeito Rafael Conceição Correa, de 25 anos, foi levada ao namorado de Camila, que, segundo a polícia, prontamente o reconheceu. Entretanto, o reconhecimento foi negado e, por isso, o suspeito foi solto. “Posso dizer que estou muito decepcionado com as investigações por parte da Delegacia de Homicídios de Mogi das Cruzes”, desabafou Beraldo.

De acordo com advogado e primo de Camila, um pedido será realizado ao Ministério Público de Suzano para que um promotor de Justiça seja responsável por acompanhar as investigações. “Espero que todas as pessoas próximas à Camila sejam investigadas. Todos que passaram os últimos dias e momentos com ela e, assim, o autor seja localizado”, finalizou.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias