Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quinta 12 de dezembro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 11/12/2019

Acidentes

22 NOV 2019 - 23h59
Reduzir o número de acidentes é um trabalho difícil e que querer campanhas, orientações e um trabalho de planejamento do poder público, além de uma ação de segurança no trânsito.
O número de acidentes de trânsito pode ser reduzido a partir de medidas e práticas que devem ser adotadas também pelos motoristas.
Muitos especialistas afirmam que, atualmente, o aumento no número de acidentes de trânsito tem como um dos maiores causadores o uso do celular. Ao volante, o motorista deve sempre se concentrar no percurso e evitar qualquer tipo de distração.
Ações como não obedecer à preferência na rotatória e furar o sinal vermelho, por exemplo, podem ocasionar acidentes - além, é claro, de resultar nas famosas multas.
Há muitos outros aspectos apontados por motoristas que, no final, acabam ocasionando acidentes.
Na edição de ontem, o DS trouxe reportagem mostrando que o Alto Tietê registrou queda de 20% no número de mortes no trânsito em outubro, no comparativo com o mesmo mês de 2018. Mas ainda há motivo de preocupação.
No mês passado, a região computou 12 mortes. Em 2018, foram 15 casos fatais. Os dados são da ferramenta Infosiga, do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito.
As vias de Mogi das Cruzes foram as que computaram maior número de mortes em outubro, com quatro casos. Ferraz e Itaquaquecetuba vêm em segundo, com dois óbitos computados em cada uma. Arujá, Salesópolis, Santa Isabel e Suzano registraram uma morte cada.
Lamentavelmente, muitos acidentes acontecem porque os motoristas exageram no consumo de bebidas alcoólicas. Ao assumir o risco de dirigir nesses casos, o motorista está cometendo um crime de trânsito e, se pego, terá que arcar com todas as consequências.
É preciso ficar atento à ingestão de medicamentos. Alguns diminuem o cuidado ao dirigir e podem fazer com que o condutor provoque um acidente.
Para uma direção segura e tranquila, é importante assumir o volante somente se estiver em plenas condições mentais, físicas e emocionais. Assim, o motorista evita acidentes, preserva a sua vida e a de outras pessoas.
O número de óbitos em outubro, em comparação com o mês de setembro deste ano, também caiu 20% no Alto Tietê. Mas, as ações e trabalho de orientação vão prosseguir. No mês de setembro de 2019, assim como no mês de outubro de 2018, o número de mortes na região foi de 15.
Das 12 pessoas que morreram nas ruas, avenidas e estradas da região em outubro de 2019, 10 foram do sexo masculino. 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias