Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 20 de novembro de 2018

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 19/11/2018
Costa Rica
PMMC NOVEMBRO AZUL
MRV - ATÉ O SEU MADRUGA VAI SAIR DO ALUGUEL

Meio Ambiente

09 NOV 2018 - 23h59
Parte dos problemas que afetam o meio ambiente e a qualidade de vida das pessoas ocorre nos municípios. E a partir dele podem ser empreendidas ações capazes de preveni-los e solucioná-los. 
Especialistas afirmam que o município é o local onde se podem buscar caminhos para um desenvolvimento que harmonize o crescimento econômico com o bem-estar da população.
A preocupação com a qualidade ambiental vem crescendo nos municípios brasileiros. Por isso, têm sido criados mecanismos para aumentar a consciência e promover a mudança de hábitos e de comportamentos. Cada vez mais a população, juntamente com o Poder Público, tem sido chamada a participar da gestão do meio ambiente.
O Conselho Municipal de Meio Ambiente é um órgão criado para esse fim, afirmam especialistas. Esse espaço destina-se a colocar em torno da mesma mesa os órgãos públicos, os setores empresariais e políticos e as organizações da sociedade civil no debate e na busca de soluções para o uso dos recursos naturais e para a recuperação dos danos ambientais. 
Em Suzano, em sua primeira reunião após a cerimônia de posse, o Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente (Comdema) de Suzano elegeu os componentes da diretoria, aprovou o regimento interno e instalou três Câmaras Técnicas. 
O encontro foi realizado no Centro Unificado de Serviços (Centrus) e contou com a participação de 12 de seus 16 integrantes. Na oportunidade, começaram a ser debatidos também os detalhes do evento que marcará o lançamento do processo de elaboração do Plano Municipal da Mata Atlântica.
O dia da semana em que ocorrerão as reuniões ordinárias bimestrais do Comdema será definido no próximo encontro, já marcado para 27 de novembro (terça-feira). 
O grupo terá a liberdade, porém, de agendar e realizar reuniões extraordinárias. Também foram instaladas as Câmaras Técnicas que cuidarão de assuntos específicos: Bem-Estar Animal, Licenciamento e Fiscalização Ambiental e Educação Ambiental. Outro assunto importante a ser discutido é com relação à Mata Atlântica. 
O primeiro importante evento sob responsabilidade do Comdema está previsto para ocorrer na segunda semana de dezembro. Nele haverá o lançamento do processo de elaboração do Plano Municipal da Mata Atlântica.
A ideia é que este trabalho comece em 2019 e conte com a participação da Associação Nacional dos Órgãos Municipais de Meio Ambiente (Anamma), da SOS Mata Atlântica, da Fundação Florestal e do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (ONU Meio Ambiente). 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias