Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Quarta 13 de Dezembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 12/12/2017
mrv

Perigo nas estradas

02 ABR 2015 - 08h00

O País terá mais um feriado amanhã. Desta vez, será comemorada a Sexta-Feira Santa e o risco de acidentes nas estradas aumenta neste período. O DS traz na edição de hoje reportagem mostrando que a Secretaria de Estado de Logística e Transportes realiza a partir das 12 horas de hoje a Operação Páscoa 2015 nas estradas de acesso ao Litoral Paulista, Interior e Região Serrana, administradas pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER). O esquema operacional será realizado até as 24 horas de domingo.

Durante o período, a expectativa é que mais de 1,08 milhão de veículos trafeguem pelas estradas que integram a operação. Somente pelas vias de acesso ao Litoral Paulista, mais de 455 mil veículos deverão seguir viagem. Já na Região Serrana e Interior de São Paulo, a expectativa de movimento é superior a 628 mil veículos.

Curtir feriado com a família e os amigos o realmente é gratificante. Mas, quando se pega a estrada é preciso lembrar que todo cuidado é pouco. Só para se ter uma ideia, em 2013, no feriado de Corpus Christi, o Seguro DPVAT pagou um total de 570 indenizações por morte. Vale lembrar que esse número pode aumentar, afinal, os beneficiários têm até três anos para solicitar o benefício.

Infelizmente, a violência no trânsito vem crescendo ano a ano. De 2006 para 2012, por exemplo, o número de indenizações pagas pelo Seguro DPVAT no feriado de Corpus Christi registrou um aumento de 48%. A brutalidade do trânsito fica mais evidente quando o foco é a motocicleta. De 2006 para 2012, as indenizações pagas em decorrência de sinistros com motos cresceram 87,2%.

O retorno para casa é o período crítico do feriadão. Os sábados e os domingos são os dias com maior incidência de acidentes fatais. Por todos esses dados e a preocupação com o risco de acidentes é que a fiscalização será reforçada nas estradas da região.

Será feito planejamento do trabalho com base nas informações estatísticas operacionais. Com esses dados será feito o posicionamento dos policiais nos pontos mais críticos.

É importante então que os motoristas tenham consciência dos riscos que correm no caso de imprudência ou irresponsabilidade diante das estradas.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias