Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 31 de março de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 30/03/2020
CENTRO MÉDICO
Secretaria de Estado da Saúde Campanha Coronavirus
COVID

Posto do INSS

22 FEV 2020 - 23h59
O País tenta solucionar a situação de demora no atendimento do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). 
A morosidade tem deixado os usuários irritados que, em muitos casos, precisam enfrentar uma peregrinação em busca de atendimento. Mesmo quando não há fila, há drama e espera. E o motivo? Déficit no quadro de pessoal.
A redução da força de trabalho do instituto, em menos de três anos, foi de 3.274 profissionais. Dados oficiais do INSS, enviados ao antigo Ministério do Planejamento, hoje incorporado ao Ministério da Economia, revela que das 1.613 agências do país, 321 têm de 50% a 100% do quadro de servidores com pedido de aposentadoria. Pelo levantamento, a autarquia precisa de 16.548 novos servidores para suprir a falta de pessoal.
Apenas nos primeiros cinco dias de 2019, o órgão registrou 676 funcionários em situação de aposentadoria. O número é quatro vezes o total de aposentados de todo o mês de janeiro de 2018, que ficou em 166.
Na semana passada, o DS publicou reportagem mostrando que, para tentar amenizar a situação, o INSS inaugurou a unidade do Posto de Atendimento Digital. O posto oferecerá uma série de serviços da Previdência Social aos cidadãos. 
É uma parceria entre o INSS e o Sindicato Nacional dos Aposentados, Pensionistas e Idosos (Sindinapi) e funciona na sede do Sindicato dos Químicos de Suzano (avenida Antônio Marques Figueira, 359). Várias lideranças sindicais da cidade e da região participaram do evento, ao lado de aposentados e pensionistas.
Os postos têm autorização para prestar uma série de serviços, entre eles aposentadoria por idade; aposentadoria por tempo de contribuição; pensão por morte previdenciária, rural ou urbana; salário maternidade, benefício assistencial à pessoa com deficiência, ao idoso e à pessoa com deficiência (como microcefalia) e revisão de benefícios, entre vários outros.
No INSS, lamentavelmente, o ano começou com a aposentadoria de 6 mil técnicos e analistas do serviço social e nenhuma previsão de realização de novo concurso. Desde 2015, o número de funcionários que deixaram a força de trabalho chega a 11 mil.
No estoque, 2 milhões de benefícios aguardavam havia mais de 45 dias por uma resposta do órgão. Em outubro, segundo o boletim estatístico de novembro (o último disponível), 747,9 mil requerimentos foram apresentados. Quando o mês terminou, 854 mil seguiam esperando por uma resposta.
É importante que o INSS consiga garantir atendimento, uma vez que o número de segurados precisando de atendimento só cresce.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias