Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 15 de outubro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 14/10/2019
CENTRO ONCOLÓGICO
Secom Segurança
Villa Europa

Mais de 7 mil celulares foram roubados em 2019 no Alto Tietê

Dados foram divulgados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP)

Por Fernando Barreto - da Região29 SET 2019 - 11h21
Conforme os dados presentes no portal da transparência da secretaria, entre as dez cidades do Alto Tietê, Itaquaquecetuba lidera o ranking com mais roubos de aparelhos celularesFoto: Sabrina Silva/DS
O Alto Tietê registrou 7.060 celulares roubados, no período de janeiro a agosto de 2019. O pior mês para a região foi junho, onde foram roubados 1.045 celulares, no somatório das dez cidades do Alto Tietê. Os dados foram divulgados na quarta-feira (25) pela Secretaria de Segurança Pública (SSP).
 
Conforme os dados presentes no portal da transparência da secretaria, entre as dez cidades do Alto Tietê, Itaquaquecetuba lidera o ranking com mais roubos de aparelhos celulares. Foram roubados, entre janeiro e agosto, 2.301 celulares na cidade. Em uma analise mensal, o mês com mais ocorrências foi junho, com registros de 324 roubos de celulares.
 
Na segunda posição aparece Ferraz de Vasconcelos, com 1.357 roubos de telefones móveis. Sendo que o mês com mais roubos do aparelho aconteceu em janeiro, onde foram registradas 208 ocorrências. 
 
Suzano aparece em terceiro na região, com 1.223 roubos a aparelhos móveis. O mês com índices mais altos foi abril, com 176 registros de roubos. 
 
Mogi das Cruzes vem em seguida, com 863 aparelhos roubados, no período citado. O mês com mais roubos também foi abril, onde foram registradas 130 ocorrências.
 
Poá aparece em quinto lugar, com um total de 597 roubos. Sendo fevereiro o pior mês, com 98 registros de roubos a celulares.
 
Na sexta posição aparece Guararema, como 304 roubos a celulares, onde o mês com mais registros foi junho, com 162 ocorrências. Mais da metade dos roubos na cidade em 2019 foram em junho.
 
Arujá e Santa Isabel também contabilizam mais de cem roubos a celulares. No período citado, as cidades registraram, respectivamente, 248 e 154 roubos. Para Arujá, o mês com mais assaltos foi janeiro, com 63 ocorrências. Enquanto Santa Isabel apresenta altos índices em maio e julho, com 37 roubos em cada mês.
 
Nas últimas posições aparece Biritiba-Mirim e Salesópolis. Biritiba registrou oito roubos e Salesópolis aparece em último na região, com cinco registros de celulares roubados.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias