Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 18 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 18/09/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC COVID LAR
PMMC COVID SAÚDE

Poá e Ferraz fecham parceria para regularização fundiária em divisas

23 MAR 2016 - 08h01

O prefeito em exercício de Ferraz de Vasconcelos, José Izidro Neto (PMDB), e o prefeito de Poá, Marcos Borges (PPS), firmaram na manhã de ontem uma parceria para a regularização fundiária na divisa entre os dois municípios que abrangem os bairros Sítio Paiolzinho, no Cambiri, mais conhecido como Raspadão, no lado de Ferraz, e a Vila São Francisco, em Poá.



A estimativa é que até mil famílias deverão ser beneficiadas, mas o número final, em ambas as cidades, será levantado num cadastramento em conjunto.

Na próxima segunda-feira, os técnicos da Prefeitura de Poá com o auxílio da equipe da Secretaria de Habitação de Ferraz vão iniciar um levantamento topográfico para demarcar ruas, lotes e a divisa dos dois municípios. Ferraz vai disponibilizar a Poá um levantamento feito pelo Instituto de Geografia e Cartografia (IGC) sobre a área. As autoridades também agendaram um novo encontro em 30 dias para avaliarem os avanços realizados no local.

O trabalho também será precedido de um cadastro social das famílias para levantar quantos moradores existem nesta área da divisa.

Com a regularização fundiária, os moradores que vivem nesta região das duas cidades serão contemplados no futuro com infraestrutura: asfalto, redes de água, esgoto, coleta de águas pluviais e coleta de lixo.

As duas prefeituras também se comprometeram a regularizar a situação desta região, já que é área rural. No caso de Ferraz, que tem restrições ambientais por ser Área de Proteção do Meio Ambiente, o novo Plano Diretor que está em discussão e deverá ir para a análise da Câmara de Ferraz nos próximos dias vai dar nova classificação a área como Zona Especial de Interesse Social 4, para poder receber maior estrutura e equipamentos sociais.

De acordo com o prefeito Marcos Borges, é preciso trabalhar em conjunto com a cidade de Ferraz de Vasconcelos, já que há anos a população de ambos os municípios vivem em uma situação difícil. “Agora que surgiu essa oportunidade de nos tornarmos prefeito, o foco é realmente solucionar os problemas dessas cidades e dos nossos moradores. Não é tão difícil resolver essa situação como imaginávamos no começo. Juntos vamos conseguir devolver a dignidade desse povo que batalha há anos por boas condições de vida”, frisou.

“Vamos congelar a área, nas duas cidades, para evitar que após o anúncio da regularização fundiária desperte o interesse de outros moradores para esta região. Cada casa será numerada para termos um controle maior nesta região de divisa”, explicou o prefeito José Izidro Neto, que foi acompanhado na reunião realizada na Prefeitura de Poá, da secretária de Habitação, Maria Aparecida Izidro Lameirinha e dos técnicos da pasta como o engenheiro Daniel Castro Pereira e a estagiária de serviço social Isabela Cristina Pereira.

Para a secretária de Habitação, Cida Izidro, o trabalho definido em conjunto pelas duas secretarias dará mais dignidade a estas famílias que há muito tempo foram esquecidas pelas administrações anteriores. “Vamos humanizar o atendimento e dar mais dignidade a estas famílias”, explicou a secretária.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias