Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 15 de outubro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 14/10/2019
CENTRO ONCOLÓGICO
Secom Segurança
Villa Europa

Região vai receber 2,5 mil hidrômetros inteligentes em novo projeto da Sabesp

Investimento para o projeto é de R$ 110,9 milhões

Por Fernando Barreto - da Região10 OUT 2019 - 09h33
projeto piloto foi implantado em maio de 2018. Para testar a ideia, a Sabesp instalou 500 hidrômetros na região metropolitana de São Paulo, sendo 33 no Alto TietêFoto: Divulgação/Sabesp
A região do Alto Tietê vai receber, no primeiro semestre de 2020, pelo menos 2,5 mil hidrômetros inteligentes para o novo projeto da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp). O investimento para o projeto é de R$ 110,9 milhões.
 
O projeto prevê utilizar hidrômetros com tecnologia IoT, sigla em inglês que significa "Internet das Coisas". Essa nova tecnologia permite que tudo esteja conectado na internet e permita a checagem diária do consumo. 
 
A Sabesp informou que o novo sistema vai permitir encontrar vazamentos e assim evitar desperdícios. "Trata-se de uma iniciativa pioneira na área de saneamento, que traz inovação e eficiência para o setor. De baixo custo, a IoT vai reduzir perdas de água - contribuindo para o meio ambiente -, combater fraudes e melhorar o relacionamento com os clientes", explicou a empresa.
 
O projeto piloto foi implantado em maio de 2018. Para testar a ideia, a Sabesp instalou 500 hidrômetros na região metropolitana de São Paulo, sendo 33 no Alto Tietê.
 
A empresa destaca uma situação em que foi possível detectar um vazamento através do sistema IoT. "Foi o caso de uma escola em São Paulo, que se livrou de um vazamento (e do prejuízo que ele causava) depois que foi detectada alta incomum de consumo no período noturno".
 
Outros benefícios
 
A Sabesp destaca que além de proporcionar a detecção de vazamentos, fraudes, o novo sistema "permite a população chegar o seu consumo diariamente, e assim controlar gastos e economizar".

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias