Envie seu vídeo(11) 4745-6900
quarta 21 de abril de 2021

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 21/04/2021

Vacina para a segurança

07 ABR 2021 - 05h00
Começou, nesta semana, a vacinação aos profissionais da segurança pública. A secretaria estadual da pasta desenvolveu um sistema próprio para a vacinação de todos os profissionais da ativa das polícias Civil, Militar e Técnico-Científica, Corpo de Bombeiros, Guardas Civis Metropolitanas e polícias Federal e Rodoviária Federal que atuam no Estado de São Paulo.
A expectativa é de que, no Alto Tietê, cerca de 3 mil profissionais da segurança pública sejam vacinados.
Em Suzano, a Secretaria de Segurança Cidadã de Suzano levou 25 agentes da Guarda Civil Municipal (GCM) para serem imunizados contra o novo coronavírus (Covid-19) nesta segunda-feira (5), no posto da região do Alto Tietê, que fica na Universidade Mogi das Cruzes (UMC). A campanha, que está sendo articulada pelo governo do Estado, deverá seguir até 10 de abril (sábado). A expectativa é que todo o efetivo seja contemplado, num total de 179 guardas.
Segundo o governo estadual, desde o início da pandemia, a Secretaria da Segurança Pública adotou todas as medidas necessárias para garantir a proteção dos agentes acerca da Covid-19, como aquisição e distribuição de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), como máscaras, luvas, aventais descartáveis, álcool gel, face shield para os servidores e agentes de segurança, além da higienização dos ambientes de trabalho, viaturas e laboratórios.
Todo policial com suspeita ou diagnóstico da Covid-19 foi ou está devidamente afastado, conforme orientações do Comitê de Contingência do coronavírus. A SSP acompanha o quadro clínico, fornecendo todo o suporte necessário para a recuperação de seus agentes.
Já nesta terça-feira (6) mais 30 membros do grupamento receberam a primeira dose da vacina. 
Na segunda-feira, de acordo com o governo paulista, foram 21 unidades na capital paulista, nove na Grande São Paulo, sete na região de Campinas, sete na região de Sorocaba, sete na região de Ribeirão Preto, seis na Baixada Santista, seis na região de Piracicaba, cinco na região de Bauru, quatro na região de São José do Rio Preto, quatro na região de Presidente Prudente, quatro na região de São José dos Campos e dois na região de Araçatuba. 
É importante que todos os setores sejam vacinados, principalmente os que estão na linha de frente. Isso pode evitar, sem dúvida, a contaminação de profissionais que atendem o público diretamente.
Segundo o Governo do Estado, a campanha ocorre com uma grande operação logística montada para a distribuição de cerca de 180 mil doses de vacina, que foram disponibilizadas aos agentes em mais de 80 unidades da Polícia Militar no Estado. O objetivo da medida é evitar aglomerações nos postos públicos de saúde, onde prossegue a campanha de vacinação para o restante da população.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias