Envie seu vídeo(11) 97569-1373
segunda 18 de novembro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 16/11/2019
PMMC NOVEMBRO AZUL
Pmmc maternidade
PMMC MIGO
PMMC SEGURANÇA
Pmmc Refis 2019

Lance Livre 18-10-2019

Por Edgar Leite17 OUT 2019 - 23h59
Cidadão Suzanense 
A Câmara de Suzano entregará hoje, às 19 horas, o Título de Cidadão Suzanense ao bispo da Diocese de Mogi das Cruzes, Dom Pedro Luiz Stringhini. O vereador Joaquim Rosa (PL) é o autor da homenagem.
 
Seminário em 1964
Nascido em Laranjal Paulista (SP), Dom Pedro Luiz Stringhini ingressou no seminário em 1964, em Sorocaba. Fez faculdade de Letras em 1974 e tornou-se bacharel em Teologia em 1980, mesmo ano em que foi ordenado sacerdote.
 
Pároco e reitor
Foi pároco e reitor do Seminário de Filosofia e professor na Faculdade de Teologia da Arquidiocese de São Paulo. Realizou trabalhos pastorais na periferia da zona leste de São Paulo e foi pároco da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, no Tatuapé. Em 2009, foi nomeado como bispo diocesano de Franca, no interior de São Paulo. Em 2012, foi transferido para a Diocese de Mogi das Cruzes, onde permanece até hoje.
 
Enfrentamento  
à Desinformação
O Programa de Enfrentamento à Desinformação com Foco nas Eleições 2020 do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ganhará o reforço das quatro principais plataformas de mídia social e de serviço de mensagens do mundo: Google, Facebook, Twitter e WhatsApp. 
 
Adesão
A adesão ao programa acontecerá na próxima terça-feira (22), às 18h15, no Gabinete da Presidência do Tribunal, em Brasília, e contará com a presença da presidente da Corte, ministra Rosa Weber. Com as novas adesões, o programa passará a contar com 40 instituições parceiras no desenvolvimento e execução de ações conjuntas capazes de reduzir os efeitos negativos que a desinformação pode causar no trato de temas que dizem respeito à Justiça Eleitoral e às eleições, como o sistema eletrônico de votação.
 
Plataformas
As plataformas digitais se encaixam em vários dos eixos temáticos que orientam o programa, tais como: “Alfabetização Midiática e Informacional”, que tem o objetivo de capacitar as pessoas para identificar e checar uma desinformação; “Contenção à Desinformação”, que visa à instituição de medidas concretas para desestimular ações de proliferação de informações falsas; e “Identificação e Checagem de Desinformação”.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias