Envie seu vídeo(11) 97569-1373
segunda 25 de maio de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/05/2020
DIARIO DE SUZANO SOLIDÁRIO

Lance Livre 19-04-2020

Por Edgar Leite18 ABR 2020 - 23h59
Adiamento  
das eleições
O adiamento das eleições é um assunto que ‘ronda’ o universo político em meio à pandemia de coronavírus.
 
Possibilidade
Uma parte dos políticos da região ouvida pelo DS até admite que pode ocorrer.
 
Prazos
O fato é que os prazos da Justiça Eleitoral correm normalmente dando indicações de que o adiamento ainda é difícil de ocorrer.
 
Luís Barroso
Na semana passada, no entanto, o novo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o ministro Luís Roberto Barroso defendeu que, se for necessário adiar as eleições de 2020 por causa da pandemia de coronavírus, que elas aconteçam no menor adiamento possível. 
 
2022
Ele descartou levar as disputas municipais para 2022.
 
Vitais
Barroso disse que as eleições são vitais para a democracia e que estará em articulação com o Congresso Nacional sobre as possíveis mudanças no calendário eleitoral. 
 
Cedo
Segundo o TSE, ainda é cedo para uma definição se a pandemia vai impor um adiamento da eleição, mas é uma possibilidade. "Se não tivermos condições de segurança, teremos que considerar o adiamento pelo prazo mínimo. Vamos nos empenhar para evitar qualquer tipo de prorrogação na medida do possível", disse o ministro em reportagem ao Jornal O Estado de S. Paulo.
 
Movimentação  
partidária
Mesmo com a pandemia de coronavírus, o fato é que uma boa parte dos políticos nas cidades da região se movimenta para se organizar na disputa deste ano.
 
Tempo de  
campanha
O que pesa também será o tempo de campanha. Pelo andar da carruagem pode ficar ainda menor, caso a data da disputa seja mantida para outubro.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias